Resistências à Reforma do Ensino Médio brasileiro

possibilidades e limites

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15628/rbept.2022.13672

Palavras-chave:

Reforma do Ensino Médio, resistências e limites, desobediência civil

Resumo

O objetivo do texto é promover a discussão sobre as possibilidades e limites de processos de resistência, por parte de instituições públicas de ensino, à Reforma do Ensino Médio brasileiro, instituída pela Lei 13.415/2017. Trabalha-se com a perspectiva de que, para serem efetivas, as possíveis resistências devem se lastrear em informações qualificadas e em manifestações de caráter coletivo, implicando, por isso, em articulações com outros movimentos sociais voltados para o mesmo objetivo, orientados, no seu conjunto, pela perspectiva da desobediência civil a uma lei que é injusta do ponto de vista da formação de sujeitos sociais críticos e socialmente responsáveis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Celso João Ferretti, CEDES

Possui graduação em Pedagogia pela Universidade de São Paulo (1966), mestrado em Educação (Psicologia da Educação) pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1974) e doutorado em Educação: História, Política, Sociedade pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1987). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação e Trabalho, atuando principalmente nos seguintes temas: reformas educacionais, ensino médio, educação e trabalho, educação profissional e trabalho. Foi pesquisador da Fundação Carlos Chagas (SP) de 1985 a 2008 e professor do Programa de Pós-Graduação em Educação: História, Política,Sociedade da PUC-SP de 1988 a 2002. É membro do GT9 - Educação e Trabalho - da Anped, Editor Associado da Revista Educação & Sociedade e membro da diretoria do Centro de Estudos Educação e Sociedade (CEDES).

Referências

ANAIS DO I SEMINÁRIO NACIONAL A REFORMA NEOLIBERAL DO ENSINO MÉDIO: tempos difíceis para a escola pública. Faculdade de Educação. Unicamp, 2021 www.seminárionacionalempesquisa.com

ARENDT, Hannah. Desobediência Civil. In: Crises da República, 2º ed., São Paulo: Perspectiva, 2008.

FERRETI, Celso João . Limites e contribuições da educação para a formação de trabalhadores. Cadernos de Pesquisa, São Luis: UFMa, v. 26, n. 4, p. 60-72, out.-dez., 2019.

HARVEY, David. O enigma do capital e as crises do capitalismo. São Paulo: Boitempo, 2011.

THOREAU, Henry David. Desobediência Civil. São Paulo: Edipro, 2016.

WIZIACK, Julio; SALDAÑA, Paulo. MEC prepara projeto para criar cinco universidades em redutos do Centrão. Folha de São Paulo, São Paulo, 25/10/2021, Cotidiano.

Publicado

24/03/2022

Como Citar

FERRETTI, C. J. Resistências à Reforma do Ensino Médio brasileiro: possibilidades e limites. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, [S. l.], v. 1, n. 22, p. e13672, 2022. DOI: 10.15628/rbept.2022.13672. Disponível em: https://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/13672. Acesso em: 27 nov. 2022.

Edição

Seção

DOSSIÊ - Em defesa do projeto de formação humana integral