Tecnologias digitais de informação e comunicação e os processos educativos em Moçambique: um estudo centrado em instituições de Educação Profissional e de ensino superior na cidade de Lichinga

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15628/rbept.2021.12353

Palavras-chave:

Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação. Processo de Ensino-Aprendizagem. Educação Profissional e Superior

Resumo

Na contemporaneidade a revolução tecnológica coloca os seres humanos a assumirem a posição de nômade em sociedade ubíqua. As Tecnologias Digitais conectadas às redes telemáticas favorecem a ligação, a interação contínua e permanente entre pessoas e lugares, mesmo na condição de mobilidade. Da necessidade de reflexões em torno de integração, uso e acesso às tecnologias digitais em rede destinado aos processos educativos na educação profissional e no ensino superior, da Província do Niassa em Moçambique / África, surge este artigo que se pauta em pesquisa do tipo exploratória e revisão bibliográfica perspectivada na abordagem qualitativa. Os resultados apontam que, a partir do tempo pandêmico, os setores da educação profissional e do ensino superior passaram a ocorrer concretamente a partir de maior integração e utilização pedagógica das Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC), movimento que exige o alargamento das compêtencias dos atores pedagógicos que passam a se socorrer da inteligência artificial, típica do fenômeno da cibercultura, para desenvolver e enriquecer a atividade de ensino e aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Marleth Maria Zita Benedito Verde Borges, Universidade Católica de Moçambique

Marleth Borges é Secretaria de Direção, docente a tempo parcial na Universidade Católica de Moçambique. Mestre em Gestão e Administração Educacional pela Universidade Católica de Moçambique (2018-2020), Faculdade de Gestão de Recursos Florestais e Faunísticos em Niassa. Licenciada em Relações Internacionais e Diplomacia pelo Instituto Superior de Relações Internacionais em Maputo (2007-2010). Lecciona disciplinas de Introdução as Relações Internacionais, Relações Publicas e Ciência Politica. Participou das IV e V Jornadas Cientificas da Universidade Católica de Moçambique em Niassa, como organizadora e no Festival de Pesquisa de Lichinga como oradora. Participou da Revisão curricular do Curso de Gestão de Recursos Florestais e Faunísticos da UCM (2021). Possui uma publicação na Revista UDZIWI do Centro de Políticas Educativas da Universidade Pedagógica de Maputo - Moçambique. Tem interesses de pesquisa nas áreas de Educação e Aprendizagem Infantil e Comunitaria.

Andrezza Maria Batista do Nascimento Tavares, IFRN

Doutora e Mestre em Ciências da Educação pela UFRN. Curso de Pedagogia, Curso de Jornalismo e Pós-Graduada em Psicopedagogia Clínica. Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), onde realiza atividades de ensino, pesquisa e extensão.  No IFRN, atua como Professora do Programa de Pós-Graduação Acadêmica (PPGEP/IFRN), do Mestrado Profissional em Ensino de Física (MNPEF/IFRN) e dos Cursos Superiores de Graduação. Coordenadora Institucional do Programa Pibid/IFRN financiado pela agência de fomento CAPES, no período de 2013 até 2018. Coordenadora Institucional do Programa de Residência Pedagógica/IFRN financiado pela agência CAPES, de 2018 até o ano corrente. Na Extensão, Coordena o Projeto "Diálogos sobre Capital Cultural e Práxis do IFRN", desde 2017. Na pesquisa, é membro do Grupo de Pesquisa vinculado ao CNPQ "Escola Contemporânea e Olhar Sociológico (ECOS)" que realiza investigação no campo das ciências da educação junto à linha de pesquisa "Sociologia educacional e ação pedagógica", na UFRN. No Jornalismo, escreve, reporta e apresenta nos veículos de comunicação “Potiguar Notícias” (Portal eletrônico) e “PNTV” (TV digital). As atividades profissionais realçam proximidade com os objetos de pesquisa: Formação de professores, Educação Profissional, Ensino Superior, Processos Cognitivos, Educação Escolar e Não-Escolar, Teorias da Aprendizagem e da Comunicação. 

Dionísio Luís Tumbo, Universidade Pedagógica de Maputo-Faculdade de Educação e Psicologia

Dionísio Luís Tumbo é docente e investigador da Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Pedagógica de Maputo (Moçambique). Doutorado em Ciências da Educação, na Especialidade de Tecnologia Educativa, pela Universidade Minho, Braga, Portugal (2018). Mestre em Educação: Formação de Formadores, na Universidade Pedagógica, Maputo, Moçambique (2012). Licenciado em Pedagogia e Psicologia, Universidade Pedagógica, Maputo, Moçambique (2007). Lecciona disciplinas de Introdução a Distância, Tecnologia e Inovação Educacional e Metodologia de investigação. Membro da Comissão Científica da Revista Lyalosho, do Centro de Educação Aberta e a Distância da Universidade Pedagógica de Maputo. Pesquisador e membro fundador do Grupo Internacional de Pesquisas em Políticas, Práticas e Gestão da Educação (GIPPPGE-UPE) – Brasil: Pernambuco. Membro Conselho Editorial da Editora FAMEN (Faculdade Metropolitana do Rio Grande do Norte) – Brasil. Investigador inscrito no Centro de Investigação em Educação (CIEd) do Instituto de Educação da Universidade do Minho. Director-Adjunto, Editor e Coordenador da Comissão Técnica e Editorial da Revista UDZIWI do Centro de Políticas Educativas da Universidade Pedagógica de Maputo - Moçambique. Tem interesses de pesquisa nas áreas de Educação a Distância e Elearning e Tecnologias Digitais para Educação.

Referências

COSTA, F. O que justifica o fraco uso dos computadores na escola. Polifonia, Lisboa: Edições Colibri, 2004.

CUMBANA C.; GASTER P. Inclusão Digital em Moçambique – um desafio para todos. Maputo, Moçambique: Centro de Informática da Universidade Eduardo Mondlane, 2009. Disponível em: https://www.docsity.com/pt/impacto-das-tics-na-educacao-em-mocambique/4875138/. Acesso aos 23/06/2020 às 08h.

DIEHL, A; TATIM, D. Pesquisa em ciências sociais aplicadas: métodos e técnicas. São Paulo, Brasil: Pearson Prentice Hall, 2004.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

LEGROS, D; CRINON J. Psychologie des apprentissages et multimédia. Paris: Armand Collin/VUEF, 2002.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO DE MOÇAMBIQUE. Plano Tecnológico da Educação: as TIC's a potenciarem o Ensino em Moçambique. Maputo, 2011.

MIRANDA, L; MORAIS, C. Estilos de aprendizagem: educação, tecnologias e inovação. Bragança, Portugal: Instituto Politécnico de Bragança, 2016.

MIRANDA, L; MORAIS, C. Estilos de aprendizagem: O questionário CHAEA adaptado para língua portuguesa. Learning Style Review. Revista de estilos de aprendizagem, v.1, n.1, 4-25, 2008.

RIBEIRO, J. P. A. Contributo da utilização dos Recursos Educativos Digitais. Dissertação de mestrado. Escolar superior de educação do Instituto Politécnico de Castelo Branco. Rio de Janeiro, Brasil: 2015.

SANTOS, E. O. Ambientes virtuais de aprendizagem: por autorias livre, plurais e gratuitas. Lisboa, Portugal: Sílabo, 2003.

SIEMENS, G. Conectivismo: principais teóricos. 2004. Acesso em: https://papagallis.com.br/george-siemens-e-o-conectivismo. 08:10/2020.

TUMBO, D. L. A Educação a Distância suportada por Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação na Universidade Pedagógica de Moçambique: proposta de indicadores de qualidade a considerar na implementação. Lisboa, Portugal: Universidade do Minho, 2018.

TUMBO, D. L. Acesso e uso das Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação em Cursos a Distância na Universidade pedagógica de Moçambique Delegação de Niassa. Revista de Estudos e Investigacion em Psicologia y Educacion. Vol. Extr. NN 13, 2017.

VILELAS, J. Investigação: O Processo de Construção do Conhecimento. (1ª ed.). Lisboa, Portugal: Sílabo, 2009.

Downloads

Publicado

29/09/2021

Como Citar

BORGES, M. M. Z. B. V.; TAVARES, A. M. B. do N.; TUMBO, D. L. Tecnologias digitais de informação e comunicação e os processos educativos em Moçambique: um estudo centrado em instituições de Educação Profissional e de ensino superior na cidade de Lichinga. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, [S. l.], v. 1, n. 20, p. e12353, 2021. DOI: 10.15628/rbept.2021.12353. Disponível em: https://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/12353. Acesso em: 1 out. 2022.

Edição

Seção

DOSSIÊ - Diálogos Internacionais sobre a Educação Profissional

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.