Curso de Formação Pedagógica para Graduados não Licenciados na modalidade a distância do IFRN: um diálogo com os licenciandos-professores

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15628/rbept.2021.12010

Palavras-chave:

Formação docente, Formação pedagógica, Educação profissional, Licenciandos-professores.

Resumo

O presente artigo apresenta resultados de uma pesquisa que tomou como objeto de estudo o Curso de Formação Pedagógica para Graduados não Licenciados na modalidade a distância, ofertado pelo IFRN Campus Avançado Natal Zona Leste. Teve como objetivo geral analisar as motivações dos estudantes para o ingresso no curso e para a atuação na docência em educação profissional. A metodologia baseou-se na aplicação de um questionário online com os alunos regularmente matriculados na segunda turma do curso, em andamento. Concluímos que o ingresso dos licenciandos-professores no curso se dá por iniciativa individual, haja vista uma legislação que chancela a atuação docente sem habilitação para tal, reforçando a histórica precarização da carreira docente na modalidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Luciane Soares Almeida, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN)

Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte - IFRN/Campus Avançado Natal Zona Leste. Possui Licenciatura Plena em Pedagogia pela UFPA, Mestrado em Educação pela UFRN e Especialização em Educação Profissional pelo IFRN. Atua nas seguintes áreas: Formação de Professores, Didática, Estágio Docente, Educação Profissional e Educação a Distância.

Patrícia Carla de Macedo Chagas, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN)

Professora de Didática do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, IFRN. Doutora em Ciências da Educação pela Universidade do Minho, linha de investigação: Desenvolvimento Curricular. Mestra em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, na Linha de Investigação "Práticas Pedagógicas e Currículo". Experiência profissional na área de Educação, com ênfase em disciplinas, estudos, pesquisa e extensão atrelados à Didática, Currículo, Formação de Professores, Identidade Profissional, Educação de Jovens e Adultos e Educação à Distância.

Referências

ARAUJO, R. M. de L. Formação de docentes para a Educação Profissional e Tecnológica: por uma pedagogia integradora da educação profissional. Trabalho & Educação, v. 7, n. 2. mai./ago., 2008.

BRASIL. Lei nº 11.741, de 26 de julho de 2008. Altera dispositivos da Lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para redimensionar, institucionalizar e integrar as ações da educação profissional técnica de nível médio, da educação de jovens e adultos e da educação profissional e tecnológica.

Brasília, 2008a. Disponível em <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2008/Lei/L11741.htm#art2>. Acesso em: 13 dez. 2018.

_______. Lei nº 11.892, de 29 de dezembro de 2008. Institui a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, cria os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, e dá outras providências. Brasília, 2008b. Disponível em <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2008/Lei/L11892.htm>. Acesso em: 13 dez. 2018.

BRASIL. CNE/CEB. Resolução nº 6, de 20 de setembro de 2012. Define Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional Técnica de Nível Médio. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=11663-rceb006-12-pdf&category_slug=setembro-2012-pdf&Itemid=30192>. Acesso em: 10 abr. 2019.

CARNEIRO, I., CAVALCANTE, M., LOPES, F. (2018). Perspectivas para a formação didático-pedagógica de bacharéis e tecnólogos. Cadernos Do GPOSSHE On-Line, 1(1), 250-275. Disponível em: <https://revistas.uece.br/index.php/CadernosdoGPOSSHE/article/view/490>. Acesso em: 12 ago. 2019.

FERREIRA, A. da R. O.; MOSQUERA, J. J. M. Os professores da Educação Profissional: sujeitos (re)inventados pela docência. Revista Liberato, Novo Hamburgo, v. 11, n. 16. 2010.

FERRETTI, C. J. A REFORMA DO ENSINO MÉDIO: DESAFIOS À EDUCAÇÃO PROFISSIONAL. HOLOS, [S.l.], v. 4, p. 261-271, nov. 2018. ISSN 1807-1600. Disponível em: <http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/HOLOS/article/view/6975>. Acesso em: 20 out. 2020.

IFRN. INSTITUTO FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE. EDITAL 22/2016-REITORIA/IFRN. Concurso Público para o provimento de cargos de Professor da Carreira do Magistério de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico. Disponível em: <https://portal.ifrn.edu.br/servidores/concursos/2016/edital-22-2016-concurso-publico-para-professor/documentos-publicados/edital-22-2016-concurso-publico-para-professor>. Acesso em: 11 ago. 2020.

________. EDITAL 34/2019-PROEN/IFRN. Curso Superior de Licenciatura - Formação Pedagógica para Graduados não Licenciados na modalidade EaD 2020.1. Disponível em: <https://portal.ifrn.edu.br/ensino/processos-seletivos/graduacao/cursos-superiores-de-graduacao-2020/edital-34-2019-proen-ifrn-curso-superior-de-licenciatura-formacao-pedagogica-para-graduados-nao-licenciados-na-modalidade-ead-2020.1>. Acesso em: 11 ago. 2020.

________. Projeto Pedagógico do Curso Superior de Licenciatura em Formação Pedagógica de Docentes para a Educação Profissional e Tecnológica, na forma de Programa Especial de Formação Pedagógica, presencial. Natal/RN: IFRN, 2016.

________. Projeto Pedagógico do Curso Superior de Licenciatura Formação Pedagógica para Graduados não Licenciados. Projeto de parceria em rede, na modalidade à distância. Natal/RN: IFRN, 2018.

________. Projeto Político-Pedagógico do IFRN: uma construção coletiva. Natal/RN: IFRN, 2012.

MACHADO, L. R. de S. Diferenciais inovadores na formação de professores para a educação profissional. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, [S.l.], v. 1, n. 1, p. 8-22, jul. 2008. ISSN 2447-1801.

Disponível em: <http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/2862>. Acesso em: 16 ago. 2019.

________. Formação de professores para a educação profissional e tecnológica: perspectivas históricas e desafios contemporâneos. In: MOURA, Dante Henrique (Org.). Produção de conhecimento, políticas públicas e formação docente em educação profissional. Campinas, SP: Mercado de letras, 2013.

MALDANER, J.J. A formação docente para a educação profissional e tecnológica: breve caracterização do debate. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, [S.l.], v. 2, n. 13, p. 182-195, dez. 2017. ISSN 2447-1801. Disponível em: <http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/5811>. Acesso em: 16 ago. 2019.

MINAYO, M. C. de S. (Org.). Pesquisa social: teoria, método e criatividade. 22 ed. Petrópolis: Vozes, 2003.

MOURA, D. H. A formação de docentes para a educação profissional e tecnológica. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, [S.l.], v. 1, n. 1, p. 8-22, jul. 2008. ISSN 2447-1801. Disponível em: <http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/2862>. Acesso em: 16 ago. 2019.

_______. Trabalho e Formação Docente na Educação Profissional. Natal: IFRN, 2014. Disponível em: <http://portal.ifrn.edu.br/pesquisa/editora/livros-para-download/trabalho-e-formacao-docente-na-educacao-profissional-dante-moura>. Acesso em: 30 set. 2020.

OLIVEIRA, M. R. N. S. de. A pesquisa sobre a formação de professores para a educação profissional. In: MOURA, Dante Henrique (Org.). Produção de conhecimento, políticas públicas e formação docente em educação profissional. Campinas, SP: Mercado de letras, 2013.

OLIVEIRA, V. S.; SILVA, R. F.. Ser bacharel e professor: dilemas na formação de docentes para a educação profissional e ensino superior. HOLOS, [S.l.], v. 2, p. 193-205, maio 2012. ISSN 1807-1600. Disponível em: <http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/HOLOS/article/view/913>. Acesso em: 15 dez. 2020.

PACHECO, E. M. Os institutos federais: uma revolução na educação profissional e tecnológica. Natal: IFRN, 2010.

_______. Desvendando os institutos federais: identidade e objetivos. Educação Profissional e Tecnológica em Revista, v. 4, n° 1, 2020 – Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica. Disponível em: <https://ojs.ifes.edu.br/index.php/ept/article/view/575>. Acesso em: 15 dez. 2020.

PEREIRA, L. A. C. A formação de professores e a capacitação de trabalhadores da educação profissional e tecnológica. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/setec/arquivos/lic_ept.pdf>. Acesso em: 16 ago. 2019.

RIO GRANDE DO NORTE. Secretaria de Estado da Educação. Minuta de Edital Nº 001/2019-SEEC. Processo seletivo simplificado para cadastro de reserva e contratação temporária de professores e especialistas de educação. Disponível em: <https://sigeduc.rn.gov.br/sigeduc/public/concurso/inscricao/form_lista.jsf>. Acesso em: 30 set. 2020.

SOUZA, F. das C. S.; NASCIMENTO, V. S. de O. Bacharéis professores: um perfil docente em expansão na rede federal de educação profissional e tecnológica. In: MOURA, Dante Henrique (Org.). Produção de conhecimento, políticas públicas e formação docente em educação profissional. Campinas, SP: Mercado de letras, 2013.

Downloads

Publicado

02/12/2021

Como Citar

ALMEIDA, L. S.; CHAGAS, P. C. de M. Curso de Formação Pedagógica para Graduados não Licenciados na modalidade a distância do IFRN: um diálogo com os licenciandos-professores. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, [S. l.], v. 2, n. 21, p. e12010, 2021. DOI: 10.15628/rbept.2021.12010. Disponível em: https://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/12010. Acesso em: 27 set. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS