O professor e o aluno, as múltiplas faces do ensinar e aprender

Autores

  • Mairiele Paula Carvalho Palma Santos Faculdade Senac https://orcid.org/0000-0003-3674-3124
  • Daniel Knebel Baggio Atualmente é professor do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional na UNIJUI e do Programa de Pós-Graduação em Gestão Estratégica de Organizações na Universidade Regional Integrada (URI). Professor de Pós-Graduação Lato Sensu e MBA´s no SENAC-SC. Investigador pela Universidade de Zaragoza, integrando o Grupo de Investigación en Economia Financiera (GIECOFIN), na UNIJUI integra o Grupo de Pesquisa em Competitividade e Gestão Estratégica para o Desenvolvimento (GPCOM) e na URI o Grupo de Pesquisa de Métodos Aplicados à Gestão Organizacional (MAGO). http://orcid.org/0000-0002-6167-2682
  • Maria Aparecida Duarte Ciufa Faculdade Senac. https://orcid.org/0000-0002-9981-7808
  • Fabio da Silva FACULDADE SENAC. https://orcid.org/0000-0002-6200-6665

DOI:

https://doi.org/10.15628/rbept.2021.10997

Palavras-chave:

Metodologias ativas. Aprendizagem. Educação. Mindset.

Resumo

O estudo apresenta as múltiplas faces do ensinar e aprender. O objetivo é compreender o uso de metodologias ativas e a mudança de Mindset na educação sobre a perspectiva dos principais atores desse processo: Professor e Aluno. A relevância do trabalho está na necessidade de repensar o ensino e aprendizagem. Utilizou-se a aplicação de questionário estruturado com perguntas fechadas direcionado aos professores e aos alunos do Programa Jovem Aprendiz da Faculdade Senac Blumenau, e contou com a participação de 32 professores e 333 alunos matriculados no ano de 2019. Os dados foram coletados a partir de técnica de levantamento com a aplicação de formulário, sendo avaliados com o uso de técnicas quantitativas. Os resultados obtidos indicam uma sinergia entre a percepção dos alunos e dos professores no fazer pedagógico, e a importância e o protagonismos de todos nesse processo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Mairiele Paula Carvalho Palma Santos, Faculdade Senac

Psicóloga formada há 9 anos, especialista em psicologia clínica e transtornos mentais, atuante na área clínica e pesquisadora da área de educação. 

 

Daniel Knebel Baggio, Atualmente é professor do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional na UNIJUI e do Programa de Pós-Graduação em Gestão Estratégica de Organizações na Universidade Regional Integrada (URI). Professor de Pós-Graduação Lato Sensu e MBA´s no SENAC-SC. Investigador pela Universidade de Zaragoza, integrando o Grupo de Investigación en Economia Financiera (GIECOFIN), na UNIJUI integra o Grupo de Pesquisa em Competitividade e Gestão Estratégica para o Desenvolvimento (GPCOM) e na URI o Grupo de Pesquisa de Métodos Aplicados à Gestão Organizacional (MAGO).

  • Especialização em Formação Pedagógica para Docentes da Educação Profissional Técnica e Tecnológica em Gestão e Negócios (Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas - FACISA, Brasil, 2013)
  • Doutorado em Contabilidade (UNIVERSIDAD DE ZARAGOZA, Espanha, 2012)
  • Especialização em Gestão financeira (UNIVERSIDADE REGIONAL DO NOROESTE DO ESTADO DO RS, Brasil, 2007)
  • Graduação em Administração (UNIVERSIDADE REGIONAL DO NOROESTE DO ESTADO DO RS, Brasil, 2005)

Maria Aparecida Duarte Ciufa, Faculdade Senac.

Pedagoga, pós graduada em Psicopedagogia, Orientação Educacional, Desenvolvimento Cognitivo e MBA em Gestão Estratégia Empresarial. É Coordenadora do Núcleo de
Educação Básica da Faculdade Senac de Blumenau

Fabio da Silva, FACULDADE SENAC.

Tecnólogo em Gestão da Tecnologia da Informação e MBA em Gestão Estratégica Corporativa.

Referências

ANTUNES. C. Professores e professauros: reflexões sobre a aula e práticas pedagógicas diversas – 6. Ed. Petrópolis. RJ: Vozes. 2012.

Assis, S. Educação para o século XXI: desafios e oportunidades para uma transformação pedagógica. Rio de Janeiro. Albatroz. 2018.

BACICH. L. MORAN. J. (org). Metodologias ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico-prática. Porto Alegre. Penso. 2018.

BERBEL. N. A. N. A problematização e a aprendizagem baseada em problema. Revista Interface. Comunicação, Saúde, Educação. V.2, 2011. Disponível em: . Acesso em: 19/05/2019.

BRASIL. DECRETO Nº 8.621/1946. Serviço Nacional de Aprendizagem. 1946.

CAMARGOS, M. A.; CAMARGOS. M. C. S.; MACHADO. C. J. Análise das preferências de ensino de alunos de um curso superior de administração de minas gerais. Revista de Gestão USP. São Paulo. v. 13, n. 2, p. 1-14, abril/junho. 2006. Disponível em: . Acesso em: 15/04/2019.

CHAVES, N. M.; GONTIJO, S. B. F. Formação docente e habilidades sociais: contribuições da licenciatura sob a perspectiva discente. Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica. Vol 2. N 19. 2020. Disponível em:< file:///C:/Users/User/Downloads/7687-26786-1-PB.pdf>. Acesso em 15/08/2020.

DWERCK, C.S. Mindset: a nova psicologia do sucesso. São Paulo. Objetiva. 2017.

FREIRE. P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. Rio de Janeiro/São Paulo. Paz e Terra. 1996.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 5. ed. São Paulo: Editora Atlas S.A, 2010.

GEORGE. M. Mindsets: altere suas percepções, crie novas perspectivas e mude seu modo de pensar. Petrópolis. Vozes. 2017.

GRAY, D. E. Pesquisa no mundo real. 2. ed. Porto Alegre: Editora Penso. 2012.

HAIR JR. J. F et al. Fundamentos de métodos de pesquisa em administração. Porto Alegre: Editora Bookman, 2005.

IMBERNÓN. F. Qualidade do ensino e formação do professorado: uma mudança necessária. São Paulo. Cortez. 2016.

JANER, L. Tecnologia e educação: o valor real das instituições educacionais deve estar na experiência que oferece ao aluno. Revista INOVEDUC. Folha Dirigida. Maio. pág.44. 2018. Disponível em: <https://inoveduc.com.br/wp-content/uploads/2018/05/REVISTA-MAIO-2018-INOVAEDUC-SITEa.pdf>. Acesso em: 03/03/2019.

LEITE. B. S. Gamificando as aulas de química: uma análise prospectiva das propostas de licenciandos em química. Novas Tecnologias na Educação - CINTED-UFRGS. nº 2V. 15. dezembro, 2017. Disponível em: <https://seer.ufrgs.br/renote/article/view/79259/46153>. Acesso em: 23/04/2019.

KÜLLER, J. A.; RODRIGO, N. F. Metodologia de desenvolvimento de competências. Rio de Janeiro: Senac Nacional. 2013.

MADEIRA. M. C. Situações em que a aula expositiva ganha eficácia. In: Educere – XII Congresso Nacional de Educação. Araçatuba. PUCPR. 2015. Disponível em: <http://educere.bruc.com.br/arquivo/pdf2015/21752_10083.pdf>. Acesso em: 15/04/2019.

MIRANDA. S. Como se tornar um educador de sucesso: dicas, conselhos, propostas e ideias para potencializar a aprendizagem. 3° ed. Petrópolis, RJ. Vozes. 2012.

MORAN, J. M. Mudar a forma de ensinar e aprender. Revista Interações. Vol. V. p.57-72. São Paulo 2000. Disponível em: <http://www.eca.usp.br/prof/moran/site/textos/tecnologias_eduacacao/uber.pdf>. Acesso em: 12/04/2019.

MORAN, J.M. A integração das tecnologias na educação. A Educação que desejamos: novos desafios e como chegar lá. 5 ed. Campinas: Papirus, 2013.

MORAN, J.M. Mudando a educação com metodologias ativas. Coleção Mídias Contemporâneas. Convergências Midiáticas, Educação e Cidadania: aproximações jovens. -PROEX/UEPG, Vol. II, 2015. Disponível em: http://uepffocafoto.wordpress.com//. Acesso em: 06 out. 2019.

PAIVA, M. R. F.; PARENTE, J. R. F.; BRANDÃO, I. R.; QUEIROZ, A. H. B. Metodologias ativas de ensino-aprendizagem: revisão integrativa. SANARE. Sobral. V.15 n.02, p.145-153, Jun./Dez. 2016. Disponível em: <https://sanare.emnuvens.com.br/sanare/article/view/1049>. Acesso em: 23/04/2019.

PERRENOUD, P. Dez novas competências para ensinar. Porto Alegre: Artes Médicas, 2000.

PONTES. E. H. S. Mindset – condicionamento mental para a melhor performance. Revista Psicologia e saberes. V 7. N° 9. 2018. Disponível em: <http://revistas.cesmac.edu.br/index.php/psicologia/article/view/858>. Acesso em: 31/01/2019.

RICHARDSON, R. J. Pesquisa social: métodos e técnicas. 3. Ed. São Paulo: Atlas, 1999.

SANCHES, C. Inovação e tecnologia no ambiente escolar. Revista: INOVEDUC: Folha Dirigida. Outubro. pág.15. 2017. Disponível em: <http://inoveduc.com.br/wp-content/uploads/2017/10/REVISTA-INOVEDUC-OUTUBRO2017-SITE.pdf>. Acesso em: 03/03/2019.

SANTOS, M. P.C.P.; BAGGIO, D. K.; CIUFA, M. A. D.; SILVA, F. A percepção dos alunos do programa jovem aprendiz, referente ao uso das metodologias ativas em sala de aula. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica. Vol 2. N 19. 2020. Disponível em: <http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/9714>. Acesso em 02/07/2020.

SENAC. Ambientes de aprendizagem. Senac. Departamento Nacional.

a.

SENAC. Metodologias ativas de aprendizagem. Senac. Departamento Nacional. Rio de Janeiro. 2018 b.

SEVERO, C.E.P. Aprendizagem baseada em projetos: uma experiência educativa na educação profissional e tecnológica. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica. Vol 2. N 19. 2020. Disponível em:< file:///C:/Users/User/Downloads/6717-24466-1-PB.pdf>. Aceso em 15/08/2020.

SIMÃO, F. Ensino gamificado: o início de uma nova era. Revista: INOVEDUC: Folha Dirigida. Novembro. pág. 67, 2017. Disponível em: <http://inoveduc.com.br/wp-content/uploads/2017/03/REVISTA-INOVACAO-EDUCACAO-NOVEMBRO-2016.pdf>. Acesso em 03/03/2019.

SUHR, I. R. F. Desafios no uso da sala de aula invertida no ensino superior. Revista. Transmutare. Curitiba, v. 1, n. 1, p. 4-21, jan./jun. 2016. Disponível em: <https://revistas.utfpr.edu.br/rtr/article/view/3872>. Acesso em: 28/04/2019.

TEBAR. L. O perfil do professor mediador: pedagogia da mediação. São Paulo. Editora Senac. 2011.

TREVELIN. A. T. C.; PEREIRA. M. A. A. NETO. J. D. O. A utilização da “sala de aula invertida” em cursos superiores de tecnologia: comparação entre o modelo tradicional e o modelo invertido. Revista de Estilos de Aprendizagem. Nº 12. Vol 11. outubro de 2013. Disponível em: http://learningstyles.uvu.edu/index.php/jls/article/viewFile/12/51. Acesso em: 17 abr. 2019.

VEIGA, I. P. A. Ensino e avaliação: uma relação intrínseca à organização do trabalho pedagógico. In: _____ (org). Didática; o ensino e suas relações. Campinas. SP. Papirus. 2010.

Downloads

Publicado

2021-07-22

Como Citar

SANTOS, M. P. C. P.; BAGGIO, D. K.; CIUFA, M. A. D.; SILVA, F. da. O professor e o aluno, as múltiplas faces do ensinar e aprender. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, [S. l.], v. 1, n. 20, p. e10997, 2021. DOI: 10.15628/rbept.2021.10997. Disponível em: https://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/10997. Acesso em: 2 jul. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)