A ESPECIFICIDADE DA DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA: DESAFIOS E PERSPECTIVAS

Laura Maria Andrade de Sousa, Maria da Glória Carvalho Moura

Resumo


Esta pesquisa de abordagem qualitativa constitui-se de um estudo bibliográfico com o objetivo de discutir acerca da complexidade da profissão docente, enfatizando os desafios e possibilidades da formação de professores da e para a educação profissional e tecnológica, a partir de suas especificidades. As discussões alicerçaram-se nas ideias de teóricos e estudiosos dessa temática, tais como García (1999, 2009, 2010), Nóvoa (1999; 2007; 2017), Morgado (2011), Sacristán (1999), Ramalho; Nuñes; Gauthier (2003), Gauthier (2013), Tardif (2014), Machado (2008; 2011), Moura (2008), bem como em aportes legais da educação e da educação profissional e tecnológica. O resultado do diálogo reforçou o fato de a expansão da Educação Profissional e Tecnológica exigir o enfrentamento e a instituição de políticas específicas e perenes para a formação de professores dessa modalidade, que considerem a complexidade da EPT e a diversidade dos perfis profissionais dos docentes e dos loci de atuação, enfatizando a responsabilidade dos Institutos Federais com esses programas, uma vez que  possuem papel relevante na formação dos professores da EPT. Além disso, destacam-se a importância da avaliação dos programas já implementados para, a partir daí, implementarem-se novas propostas, bem como a relevância da produção teórica e de recursos adequados para a consolidação dessas políticas.

Palavras-chave


Formação Docente. Profissionalização. Profissionalidade. Educação Profissional.

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRÉ, Marlí Eliza Dalmazo de Afonso et al. Estado da arte da formação de professores no Brasil. Educação e Sociedade, ano XX, n. 68, p. 301-309, dez. 1999. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/es/v20n68/a15v2068. Acesso em: abril 2018

BRASIL. Ministério da Educação. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei nº 9.394 de 20 de dezembro de 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm. Acesso em: jul. 2018.

BRASIL. Ministério da Educação. CNE/CEB. Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional Técnica de Nível Médio. 2012. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=11663-rceb006-12-pdf&category_slug=setembro-2012-pdf&Itemid=30192. Acesso em: jul. 2018.

BRASIL. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Plano Nacional de Educação 2014-2024.

Disponível em: http://www.planalto.gov.br/CCIVIL_03/_Ato2011-2014/2014/Lei/L13005.htm. Acesso em: jul.2018

BRASIL. Observatório do Plano Nacional de Educação - PNE/Ministério da Educação. Disponível em: http://www.observatoriodopne.org.br/metas-pne/15-formacao-professores/estrategias/15-13-formacao-docente-para-educacao-profissional. Acesso em: jul. 2018.

BRZEZINSKI, Iria. Formação de profissionais da educação (1997-2002). Coordenação e organização Iria Brzezinski; colaboração: Elsa Garrido. Brasília: Ministério da Educação, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2006.

GARCÍA, Carlos Marcelo. Formação de professores: para uma mudança educativa. Portugal: Porto Editora, 1999.

__________ . Los comienzos en la docencia: un profesorado con buenos principios. Profesorado. Vol. 13, nº 1, p. 1-25, 2009. Disponível em: https://recyt.fecyt.es/index.php/profesorado/article/view/41898/23904. Acesso em: maio 2018

__________ . O professor iniciante, a prática pedagógica e o sentido da experiência. Formação Docente, v. 2, n.3, p.11-49, dez. 2010. Disponível em: http://revformacaodocente.com.br/index.php/rbpfp/article/view/17/15. Acesso em: jun. 2018

GATTI, Bernadete Angelina; BARRETO, Elba Siqueira de Sá; ANDRÉ, Marlí Eliza Dalmazo de Afonso. Políticas docentes no Brasil um estado da arte. Brasília, Ministério da Educação, UNESCO, 2011.

GAUTHIER, Clermont et al. Por uma teoria da pedagogia: pesquisas contemporâneas sobre o saber docente. Trad. Francisco Pereira. 3.ed. Ijuí: Ed. Unijuí. 2013. (Coleção Fronteiras da Educação).

IFPI. Programa de Ambientação Institucional. 2014

JULIA, Dominique. A cultura escolar como objeto histórico. Revista Brasileira de História da Educação, v. 1, n. 1, 9-43, Ano 2001, Jan./Jun. Disponível em: http://www.rbhe.sbhe.org.br/index.php/rbhe/issue/view/26. Acesso em: dez. 2017.

MACHADO, Lucíola Regina de Souza. Formação de professores para a educação profissional

e tecnológica: perspectivas históricas e desafios contemporâneos. IN: Formação de Professores para Educação Profissional e Tecnológica: Brasília, 26, 27 e 28 de setembro de 2006. – Brasília: Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, 2008. p. 67-82 – (Coleção Educação Superior em Debate; v. 8)

__________ . O desafio da formação dos professores para a EPT e PROEJA. Educação e Sociedade, v. 32, n. 116, p. 689-704, jul.-set. 2011. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/es/v32n116/a05v32n116.pdf. Acesso em jul 2018.

MORGADO, José Carlos. Identidade e profissionalidade docente: sentidos e (im)possibilidades. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, v.19, n.73, out-dez. 2011. http://www.scielo.br/pdf/ensaio/v19n73/04.pdf. Acesso em: jul. 2018.

MOURA. Dante Henrique. A Formação de Docentes para a Educação Profissional e Tecnológica. Revista Brasileira de Educação Profissional e Tecnológica, v. 1, nº 1. p. 25-38,2008. Disponível em: http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/2863/1004. Acesso em: jun. 2018.

NÓVOA, António. O passado e o presente dos professores. IN: NÓVOA, António (org.). Profissão professor. Porto, Porto Editora, 1999. p. 15-34.

__________ . Desafios do trabalho do professor no mundo contemporâneo. São Paulo: SINPRO, 2007.

__________ . Firmar a posição como professor, afirmar a profissão docente. Cadernos de Pesquisa. V. 47, n. 166, 2017. Disponível em http://www.scielo.br/pdf/cp/v47n166/1980-5314-cp-47-166-1106.pdf. Acesso em: abril 2018.

OLIVEIRA, Anely Silva. A formação do professor para a educação profissional: mapeando a produção bibliográfica. 2016. Dissertação (Mestrado em educação) – Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Vitória da Conquista. Disponível em http://catalogodeteses.capes.gov.br/catalogo-teses/#!/. Acesso em: abril 2018.

RAMALHO, Betania Leite; NUÑES, Isauro Beltran e GAUTHIER, Clermont. Formar o professor – profissionalizar o ensino. Porto Alegre: Sulina, 2003.

ROMANOWSKI, Joana Paulin; ENS, Romilda Teodora. As pesquisas denominadas do tipo “Estado da Arte” em Educação. Revista Diálogo Educacional, v. 6, n. 19, 2006. Disponível em: http://www.redalyc.org/service/redalyc/downloadPdf/1891/189116275004/1. Acesso em: jul. 2018.

SACRISTÁN, Gimeno José. Consciência e acção sobre a prática como libertação dos professores. IN: NÓVOA, António (org.). Profissão professor. Porto, Porto Editora, 1999. p. 65-92.

TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. 17. Ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2014.

VAILLANT, Denise. Políticas de inserción a la docencia en América latina: la deuda pendiente. Profesorado. Vol. 13, nº 1, p. 25-41, 2009. Disponível em: https://recyt.fecyt.es/index.php/profesorado/article/view/41900/23906. Acesso em: maio 2018




DOI: https://doi.org/10.15628/rbept.2019.7506

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

RBEPTISSN 2447-1801 (Eletrônico)

Indexação: Latindex - DOAJIresie - Indice de Revistas de Educación Superior e Investigación Educativa - BBE – Bibliografia Brasileira de Educação – (Brasil-Cibec/Inep/MEC)  - ERIH PLUS – European Reference Index for the Humanities and the Social Sciences - Sistema eletrônico de editoração de revistas do IBICT - OasisBr - Portal de Periódicos CAPES/MEC - Diadorim - Sumários.org - LivRe - Catálogo de Periódicos de Livre Acesso - CrossRef -  Google Scholar - WorldCat - Airiti Library - MIAR - Information Matrix for the Analysis of Journals - International Institute of Organized Research (I2OR) - LatinREV - Red Latinoamericana de Revistas Académicas en Ciencias Sociales y Humanidades - Publons - Citefactor - Scientific Indexing Services (SIS) 

Siga a RBEPT: