UM EXCURSO SOBRE AS CATEGORIAS EDUCAÇÃO E TRABALHO NO PENSAMENTO DE ISTVÁN MÉSZÁROS: CONTRIBUIÇÕES PARA A EDUCAÇÃO PROFISSIONAL

Loryne Viana Oliveira

Resumo


A Educação Profissional situa-se na convergência entre os eixos educação e trabalho. Tal convergência não prescinde de aportes teóricos robustos e posicionados politicamente. Neste sentido, o presente trabalho, de natureza bibliográfica propõe uma reflexão sobre a incidência de fenômenos econômicos e produtivos na educação, considerando o pensamento de István Mészáros, com ênfase no exposto em seu Educação para Além do Capital. O estudo das categorias educação e trabalho nesta obra revela ser impossível uma ação verdadeiramente democrática em uma sociedade que domina hierarquicamente o trabalho e tem regras sobre os sistemas educativos que são impostas por personificações do capital. Apenas uma educação com compromisso revolucionário pode romper com a ordem social vigente e superar a reprodução social e econômica, o que se dará com a reestruturação social, reformulação do ensino, das práticas educativas – que estão imbricadas à dimensão ontológica do trabalho e, por fim, da “própria maneira de ser” dos humanos.


Palavras-chave


Educação. Trabalho. Educação Profissional.

Texto completo:

PDF

Referências


ANTUNES, R. Os sentidos do trabalho: ensaio sobre a afirmação e a negação do trabalho. São Paulo: Boitempo, 1999.

BRAVERMAN, H. Trabalho e Capital Monopolista: a degradação do trabalho no séc. XX. Rio de Janeiro: Zahar, 1980.

FLEURY, A.; VARGAS, N. Organização do Trabalho. São Paulo: Atlas, 1983.

FREIRE, P. Pedagogia da indignação: cartas pedagógicas e outros escritos. São Paulo: Editora UNESP, 2000.

FREIRE, P. Política e educação: ensaios. São Paulo: Cortez, 2001.

GRAMSCI, A. A formação dos intelectuais. Rio de Janeiro: Achiamé, 2013.

LUKÁCS. G. The Ontology of Social Being: Labour. Londres: Merlin Press, 1980.

MARX, K. Manuscritos econômico-filosóficos. São Paulo: Boitempo, 2010.

MARX, K. O Capital. São Paulo: Abril Cultural, 1983.

MÉSZÁROS, I. A educação para além do capital. São Paulo: Boitempo, 2005.

MÉSZÁROS, I. A teoria da alienação em Marx. São Paulo: Boitempo, 2006.

MÉSZÁROS, I. Para além do capital: rumo a uma teoria da transição. São Paulo: Boitempo, 2011.

MORGAN, G. Imagens da Organização. São Paulo: Atlas, 1995.

SAVIANI, D. Trabalho e educação: fundamentos ontológicos e históricos. Rev. Bras. Educ., Rio de Janeiro, v. 12, n. 34, p. 152-165, abr. 2007. Disponível em: < https://www.scielo.br/pdf/rbedu/v12n34/a12v1234.pdf>. Acesso em: 01 jun. 2020. VÁZQUEZ, A.S. Filosofia da Práxis. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1977.




DOI: https://doi.org/10.15628/rbept.2020.9827

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

RBEPTISSN 2447-1801 (Eletrônico)

Indexação: Latindex - DOAJIresie - Indice de Revistas de Educación Superior e Investigación Educativa - BBE – Bibliografia Brasileira de Educação – (Brasil-Cibec/Inep/MEC)  - ERIH PLUS – European Reference Index for the Humanities and the Social Sciences - Sistema eletrônico de editoração de revistas do IBICT - OasisBr - Portal de Periódicos CAPES/MEC - Diadorim - Sumários.org - LivRe - Catálogo de Periódicos de Livre Acesso - CrossRef -  Google Scholar - WorldCat - Airiti Library - MIAR - Information Matrix for the Analysis of Journals - International Institute of Organized Research (I2OR) - LatinREV - Red Latinoamericana de Revistas Académicas en Ciencias Sociales y Humanidades - Publons - Citefactor - Scientific Indexing Services (SIS) 

Siga a RBEPT: