Editorial - Dossiê Educação Escolar e Social

José Yvan P. Leite, Marlúcia Menezes de Paiva, Olívia de Medeiros Neta, Valentín Martínez-Otero Pérez

Resumo


A estratégia de reservar alguns volumes anualmente para publicações voltadas para temas específicos está no escopo da HOLOS, caso desta, a qual trata sobre a temática “educação escolar e social”. É fruto da colaboração com o I Seminário Pedagógico Hispano-Brasileiro: práticas escolares e socioeducativas ocorrido na Faculdade de Educação da Universidade Complutense de Madri-UCM, em novembro de 2015.

O primeiro artigo traz uma discussão sobre o papel da Arquidiocese de Natal no pós-segunda guerra mundial e as ações que extrapolaram o culto puramente individual, voltando-se para práticas sociais, particularmente com a criação do Serviço de Assistência Rural-SAR, em 1949. Os desdobramentos resultaram em um apostolado diferente do até então praticado, tais como, missões rurais, cooperativas de produção artesanal, sindicatos rurais, escolas de alfabetização pelo rádio e formas inovadoras de organização das comunidades.

O segundo artigo trata das práticas de educação socioeducativas em São Luís, Estado do Maranhão, Brasil. O trabalho apresenta resultados do conhecimento da infância, suas concepções, suas concepções, seus cuidados, assistência e sua educação não escolar durante as primeiras décadas do século XX.  O terceiro artigo apresenta experiências escolares para a infância desvalida no período do império no Brasil.

O artigo seguinte traz uma discussão sobre o movimento da economia solidária e suas diretrizes educativas, já o sexto artigo aborda o impacto da sociedade tecnológica globalizada e os impactos na cidadania. O sétimo trabalho relata a importância da pedagogia social nas universidades europeias e a implantação nas universidades latino-americanas. A descrição das etapas do desenvolvimento como disciplina científica e concepções é apresentada como referência à Universidade Complutense de Madri.

A oitava colaboração apresenta pesquisa sobre envelhecimento educacional, realizada no período entre 2000-2014 em revistas espanholas disponíveis no Journal Citation Report. A publicação seguinte apresenta práticas escolares do Jardim de Infância Modelo de Natal, Rio Grande do Norte no período entre 1950-1960, como instituição de educativa de relevância para história social da infância no Brasil.

O décimo artigo aborda uma investigação sobre a pedagogia nas cidades com base na obra As cidades invisíveis de Ítalo Calvino. O artigo seguinte apresenta a “teoria da inteligência unidiversa” que se enfatiza que a inteligência é uma faculdade unitária e múltipla. Sob a ótica educativa, o reconhecimento intelectual implica no compromisso de despertar a inteligência básica em cada um dos estudantes, de modo a despertar as potencialidades e suas limitações são compensadas.

O último artigo apresenta investigação acerca da educação escolar no Rio Grande do Norte ao longo do século XX, com ênfase nos grupos escolares: sua organização, seus professores, sua cultura escolar, suas relações com a normatização, entre outros aspectos.

Enfim, a integração entre os pesquisadores espanhóis e brasileiros constituiu este dossiê denominado “Educação Escolar e Social”, como ação de cooperação entre a Universidade Federal do Rio Grande do Norte, a Universidade Complutense de Madri e o Instituto Federal do Rio Grande do Norte.

Convido-os a uma ótima leitura!

 

Natal, 18 de setembro de 2016.

 

 

Prof. José Yvan Pereira Leite                                               

Profª Marlúcia Menezes de Paiva

Profª Olívia de Medeiros Neta

Prof. Valentín Martínez-Otero Pérez

 

 


Palavras-chave


Educação; Educação Escolar; educação social; educação básica

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15628/holos.2016.4654



 

HOLOS IN THE WORLD