AÇÕES DIDÁTICAS PEDAGÓGICAS NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS

Maria Cleoneide Soares, Normandia de Farias Mesquita Medeiros

Resumo


Este estudo emerge de um relato de vivência da prática pedagógica de uma professora que atuou na Educação de Jovens e Adultos (EJA), através do programa Educação do Trabalhador no Serviço Social da Indústria – (SESI), no município de Mossoró/RN. Objetiva-se relatar algumas vivências pedagógicas na educação de jovens e adultos. A pesquisa retrata a atuação da professora no que concerne o processo de aquisição da leitura e escrita nesta modalidade de ensino. Utilizou-se como metodologia o relato de vivência da prática da professora da referida instituição. Constata-se que, sem uma ação didática planejada e sistemática de acordo com o contexto dos alunos não é possível uma aprendizagem satisfatória e motivadora. Neste sentido, o estudo contribui para discussões acerca da alfabetização e letramento na EJA. Por fim, conclui-se que a apreensão da alfabetização e letramento por parte dos jovens e adultos ocorre de forma singular sendo necessário para tanto, uma organização dos conteúdos, motivação, com planejamento sólido para alcançar os objetivos, além de buscar elementos significativos e contextualizados para obterem aprendizagens relevantes nesta modalidade de ensino.


Palavras-chave


Relato de Vivência; Jovens e Adultos; Alfabetização; Letramento.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases 9394/96 para a Educação Nacional, Brasília, 1996. Disponível

em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm> acesso em 30 de maio de

FREIRE, P. A Importância do Ato de Ler: em três artigos que se completam. 22ª ed. São Paulo:

Cortez, 1988.

______, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e

Terra, 1996.

______, P. Pedagogia do Oprimido, 43 ª ed. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 2005.

KLEIN, L. R. Alfabetização de Jovens e Adultos: questões e propostas para a prática

pedagógica na perspectiva histórica. Brasília: Universa, 2003.

FERREIRO, Emília. Alfabetização em Processo. São Paulo. Cortez, 2011.

JOSSO, M. Experiências de vida e formação. Lisboa: EDUCA, 2002.

MEDEIROS. L. B. Os Sujeitos da EJA e Suas Marcas. Disponível em:

http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/1548-6.pdf acesso em 29

de setembro de 2016.

OLIVEIRA, Marta Kohl de. Jovens e Adultos como sujeitos de conhecimentos e aprendizagem. In.:

Osmar Fávero (org.). Educação como Exercício de Diversidade. Brasília: UNESCO, MEC,

ANPED, 2007. Coleção educação para todos.

SOARES, M. B.; Campos, E. N. Técnica de Redação: As Articulações Lingüísticas como Técnica de

Pensamento. Rio de Janeiro: Ao Livro Técnico, 1978.

______. Magda. Letramento: um tema em três gêneros. 2. ed. Belo Horizonte: autêntica, 2001.

TFOUNI, Leda Verdiani. Letramento e Alfabetização. 5.ed. São Paulo: Cortez, 2002.(Coleção

Questões da nossa Época; v. 47).

ZABALA, Antoni. A prática educativa: como ensinar. Porto Alegre: Artmed, 1998.




DOI: https://doi.org/10.15628/holos.2019.5642



 

HOLOS IN THE WORLD