APRENDIZAGEM BASEADA EM PROBLEMAS (ABP): UM MÉTODO DE APRENDIZAGEM INOVADOR PARA O ENSINO EDUCATIVO

Samir Cristino de Souza, Luis Dourado

Resumo


A prática de ensino, ainda hoje, não diferente do que ocorreu durante muito tempo, consiste, essencialmente, no modelo de aula em que o professor transmite um conteúdo com breve momento de discussão e atividades as quais o aluno, após memorizar as informações, tem de responder. Algumas estratégias metodológicas de ensino diferenciadas vêm sendo desenvolvidas por professores, que acreditam ser possível promover mudanças em suas práticas pedagógicas, tendo em vista uma aprendizagem significativa. A Aprendizagem Baseada em Problemas (ABP) surge como uma dessas estratégias de método inovadoras em que os estudantes trabalham com o objetivo de solucionar um problema real ou simulado a partir de um contexto. Trata-se, portanto, de um método de aprendizagem centrado no aluno, que deixa o papel de receptor passivo do conhecimento e assume o lugar de protagonista de seu próprio aprendizado por meio da pesquisa. Este artigo constitui-se em uma revisão da literatura básica sobre a Aprendizagem Baseada em Problemas. O objetivo é apresentar a ABP como um método de aprendizagem significativo e eficaz, que pode ser utilizado nos diversos níveis de ensino e nas mais diferentes disciplinas. Por meio de uma investigação do estado da arte sobre a ABP, buscamos refletir acerca da sua importância como método de aprendizagem. A ABP tem apresentado resultados positivos, observados por pesquisadores das mais diferentes áreas, os quais a utilizaram como método de aprendizagem, seja em cursos universitários, seja na educação básica. Espera-se, com este artigo, possibilitar a reflexão sobre novas estratégias de aprendizagem para um ensino educativo.


Palavras-chave


educação; ensino; método de aprendizagem; Aprendizagem Baseada na Resolução de Problemas; ABRP

Texto completo:

PDF

Referências


ALBANESE, M. A.; MITCHELL, S. Problem-Based Learning: A review of literature on its outcomes and implementation issues. Academic Medicine, 68, p. 52-81, 1993.

BARROWS, H. S.; TAMBLYN, R. M. Problem-Based Learning: an approach to medical Education. New York: Springer Publishing Company, 1980.

BARROWS, H. S. A Taxonomy of Problem-Based Learning methods. Medical Education, v.20, p. 481-486, 1986.

BARRETT, T.; MOORE, S. New Approaches to Problem-Based Learning. Revitalising your practice in higher education. New York: Routledge, 2011.

BARELL, J. Problem-Based Learning. An Inquiry Approach. Thousand Oaks: Corwin Press. 2007.

CARVALHO, C. J. A. O Ensino e a Aprendizagem das Ciências Naturais através da Aprendizagem Baseada na Resolução de Problemas: um estudo com alunos de 9º ano, centrado no tema Sistema Digestivo. Dissertação de Mestrado, Universidade do Minho, 2009.

CAMBI, F. História da Pedagogia. São Paulo: UNESP, 1999.

DELISLE, R. Como realizar a Aprendizagem Baseada em Problemas. Porto: ASA, 2000.

DUCH, B. Writing problems for deeper understanding. In: B. DUCH, S. GROH; D. ALLEN (Eds.) The Power of Problem-Based Learning. A practical “how to” for teaching undergraduate courses in any discipline. Virginia: Stylus Publishing, LLC, p. 47-55, 2001.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 50. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2011.

______. Pedagogia da autonomia. Saberes necessários à prática educativa. 27. ed. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

HILL, A. M.; SMITH, H. A. Problem-based contextualized learning. In: Steve Alsop et al. (Eds.). Analysing exemplary science teaching – theoretical lenses and a spectrum of possibilities for practice. London: Open University Press, p. 136-145, 2005.

HILLEN, H.; SCHERPBIER, A.; WIJNEN, W. History of Problem-Based Learning in Medical Education. In Berkel van H. et al. (Eds.). Lessons from Problem-Based Learning. New York: Oxford University Press, p. 5-12, 2010.

LEVIN, B. Introduction. In: B. Levin (Ed.). Energizing Teacher Education and Professional Development With Problem-Based Learning. Alexandria: ASCD – Association for Supervision and Curriculum Development, p. 1-7, 2001.

LEITE, L.; AFONSO, A. Aprendizagem baseada na resolução de problemas. Características, organização e supervisão. Boletim das Ciências, 48, p. 253-260, 2001.

LEITE, L.; ESTEVES, E. Ensino orientado para a Aprendizagem Baseada na Resolução de Problemas na Licenciatura em Ensino da Física e Química. In: Bento Silva e Leandro Almeida (Eds.). Comunicação apresentada no VIII Congresso Galaico-Português de Psicopedagogia. Braga: CIED - Universidade do Minho, p. 1751-1768, 2005.

LAMBROS, A. Problem-Based Learning in K-8 Classrooms – A Teacher’s Guide to Implementation. Thousand Oaks: Corwin Press, Inc. 2002.

______. Problem-Based Learning in Middle and High School Classrooms – A Teacher’s Guide to Implementation. Thousand Oaks: Corwin Press, Inc. 2004.

LIBÂNEO, J. C. Democratização da escola pública: a pedagogia crítico-social dos conteúdos. São Paulo: Loyola, 1992.

MARGETSON, D. Why is problem-based learning a challenge? In: David Boud & Grahame Feletti (Eds.). The Challenge of Problem-Based Learning. 2. ed. edition. London: Kogan Page Limited, p. 36-44, 1997.

MIZUKAMI, M. G. N. Ensino: as abordagens do processo. São Paulo: EPU, 1986.

O’GRADY, G. et al. One-day, One-problem. An approach to Problem-Based Learning. Singapore: Springer, 2012.

ROCHA, F. Correntes pedagógicas contemporâneas. 2. ed. Aveiro: Estante, 1988.

SAVIANI, D. Escola e democracia. 24. ed. São Paulo: Cortez, 1991.

SAVIN-BADEN, M.; MAJOR, C. Foundations of Problem-Based Learning. New York: Open University Press. 2004.

WOODS, D. R. Problem-based Learning: How to Gain the Most from PBL. Hamilton: McMaster University, The Bookstore. 2000.




DOI: https://doi.org/10.15628/holos.2015.2880



 

HOLOS IN THE WORLD