AS REFORMAS DO ENSINO MÉDIO E O PROJETO PROFESSOR DIRETOR DE TURMA: UMA EXPERIÊNCIA EM ARACOIABA-CE

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15628/holos.2017.5754

Palavras-chave:

Reformas do Ensino Médio, Projeto Professor Diretor de Turma, Prática pedagógica

Resumo

Este texto buscou compreender as reformas do Ensino Médio, focando no desenvolvimento do Projeto Professor Diretor de Turma (PPDT) como uma inovação proposta pela Secretaria da Educação do Ceará. O PPDT prioriza a realização de um currículo criativo, sintonizado com as demandas sociais contemporâneas, fomentando o diálogo com a juventude e buscando a superação do currículo de concepção fragmentada. A pesquisa de natureza qualitativa foi desenvolvida na Escola de Ensino Médio Almir Pinto, em Aracoiaba-CE e utilizou como estratégias metodológicas, a investigação documental, a observação e entrevistas com docentes. A investigação evidenciou que as reformas do Ensino Médio, de uma forma geral, são carregadas de bons propósitos, mas na prática não se efetivam plenamente, em virtude das condições de precarização, cuja resolução ultrapassa os limites da comunidade escolar e devem ser emanadas dos órgãos mantenedores. No entanto, presenciamos um esforço enorme de todos que fazem a escola para assegurar as condições de trabalho dos professores e a funcionalidade do referido projeto. O conjunto dos dados delineou ainda que o PPDT se configura como um projeto inovador, contribuindo nos processos de ensino e aprendizagem, evidenciando sensibilidade e apoio do núcleo gestor e postura docente de escuta coerente com o perfil do diretor de turma e baseada no diálogo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Maria Cleide da Silva Ribeiro Leite, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará

Professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará. Doutoranda e Mestre em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual do Ceará, especialista em Gestão Escolar pela Universidade Estadual do Ceará, Pedagoga pela Universidade Estadual do Ceará, graduada em Letras (Português e Espanhol) pela Universidade Metodista de São Paulo. Membro do Grupo de Estudos e Pesquisa em Políticas Públicas e Exclusão Social (GEPPES/UECE).

Elcimar Simão Martins, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira – UNILAB

Doutor e mestre em Educação, especialista em Ensino de Literatura Brasileira e em Gestão Escolar, graduado em Letras Português e Espanhol, pedagogo e Professor Adjunto da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (UNILAB), com atuação no Instituto de Ciências Exatas e da Natureza – ICEN e no Mestrado Acadêmico em Sociobiodiversidade e Tecnologias Sustentáveis.

Maria Socorro Lucena Lima, Universidade Estadual do Ceará

Professora do PPGE UECE. Coordena a linha de Pesquisa: Docência no Ensino Superior e na Educação Básica. Líder do GEPEFE - Fortaleza e professora adjunta da UECE. Graduada em Letras e em Pedagogia (URCA), mestre em Educação Brasileira (UFC), doutora e pós-doutora em Educação (USP), com estágio na Universidade do Minho-Portugal.

Referências

Alarcão, I. (2011). Professores reflexivos em uma escola reflexiva. São Paulo: Cortez.

Candau, V. M. (2011). Magistério: Construção cotidiana. Petrópolis-RJ: Vozes.

Ceará. (2010). Portaria-GAB Nº 882/2010. Estabelece as normas para lotação de professores nas escolas públicas estaduais. Recuperado em 5 outubro, 2014, de http://imagens.seplag.ce.gov.br/pdf/20101223/do20101223p01.pdf

Ceará. (2011). Diretrizes. Fortaleza: Secretaria da Educação Básica.

Ceará. (2011b). Projeto Professor Diretor de Turma. Folder. Fortaleza: Seduc/Anpae.

Ceará. (2012). Portaria Nº 1091/2012-GAB. Diário Oficial do Estado. Série 3, Ano IV, Nº 242.

Ceará. (2013). Projeto Professor Diretor de Turma. Seminário Nacional do Observatório da Educação. Brasília.

Ceará. (2013b). Ensino Médio Noturno: Projeto de Reorganização Curricular. SEDUC, Fortaleza.

Contreras, J. (2012). Autonomia de professores. São Paulo: Cortez.

Delors, J. (2012). Educação: um tesouro a descobrir. São Paulo: Cortez.

Favinha, M.; Góis, M. H.; Ferreira, A. (2012). A importância do papel do diretor de turma enquanto gestor do currículo. Recuperado em 6 outubro, 2014, de https://dspace.uevora.pt/rdpc/bitstream/10174/8185/1/Artigo%20Revista%20Temas%20e%20Problemas.pdf

Imbernón, F. (2011). Formação docente e profissional: formar-se para a mudança e a incerteza. São Paulo: Cortez.

Leher, R. (2014). Organização, Estratégia Política e o Plano Nacional de Educação. Recuperado em 5 fevereiro, 2015, de http://marxismo21.org/wp-content/uploads/2014/08/R-Leher-Estrat%C3%A9gia-Pol%C3%ADtica-e-Plano-Nacional-Educa%C3%A7%C3%A3o.pdf

Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996 (2013). Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Centro de Documentação e Informação. Brasília: Edições Câmara.

Leite, M. C. S. R. (2015). A formação contínua do professor diretor de turma no contexto das reformas do ensino médio. Dissertação de mestrado, Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, CE, Brasil.

Masetto, M. T. (2011). Inovação curricular no ensino superior. Revista e-curriculum, 7(2), 1-20

Martins, E. S. (2014). Formação contínua e práticas de leitura: o olhar do professor dos anos finais do ensino fundamental. Tese de doutorado, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, CE, Brasil.

Pimenta, S. G., & Ghedin, E. (2012). Professor reflexivo no Brasil: gênese e crítica de um conceito. São Paulo: Cortez.

Salgueiro, A. R. (2010). O director de turma como gestor do projecto curricular - Um estudo de caso. Dissertação de mestrado, Universidade de Lisboa, Lisboa, Portugal.

Santos, J. M. T. (2013). Políticas para o Ensino Médio: Recontextualizações no contexto da prática. 36ª Reunião Nacional da ANPEd. Goiânia: ANPEd.

Sousa, A. L. L. (2013). Formação Profissional em Fisioterapia: o desafio dos avanços curriculares nos projetos pedagógicos da universidade pública. Tese de doutorado, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil.

Veiga, I. P. A., & D'Ávila, C. (2008). Profissão docente: novos sentidos, novas perspectivas. Campinas: Papirus.

Vieira, E. (2001). A política e as bases do direito educacional. Cadernos Cedes, 55, 9-29.

Downloads

Publicado

06/09/2017

Como Citar

Leite, M. C. da S. R., Martins, E. S., & Lima, M. S. L. (2017). AS REFORMAS DO ENSINO MÉDIO E O PROJETO PROFESSOR DIRETOR DE TURMA: UMA EXPERIÊNCIA EM ARACOIABA-CE. HOLOS, 3, 110–122. https://doi.org/10.15628/holos.2017.5754

Edição

Seção

ARTIGOS