CRIMINALITY SPATIAL DYNAMIC IN MANAUS CITY, AM

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15628/holos.2018.5698

Palavras-chave:

Public Security. Thefts and Robberies. Spatial Analysis. Geographic Information Systems.

Resumo

Thefts and robberies are common crimes in urban centers. Criminality control is a state responsibility and the complex urban context turns the police tactics into a hard and, frequently, inefficient task. This paper presents a method to identify, characterize and diagnose areas with highest incidence of thefts and robberies. The method has as a goal to increase security perception in citizens and improve police efficiency. The results are presented through density maps, photographic records, field reports and descriptive statistics, producing geo-intelligence results dealing with geographic and temporal dynamics of theft and robbery crimes in three neighborhoods of Manaus city, in Amazonas state, Brazil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Eduardo Pereira da Silva, Polícia Militar do Amazonas

Policial Militar

Sandro Laudares, Puc Minas

Professor e pesquisador do programa de Pós-graduação em Geografia/ Tratamento da Informação Espacial da PUC Minas e coordenador do curso de pós-graduação em Geoprocessamento da PUC Minas Virtual. Possui graduação em Ciência da Computação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1992), mestrado em Engenharia de Sistemas de Informação - UMIST - University Of Manchester Institute Of Science And Technology (1997) e DOUTORADO em Geografia/Tratamento da Informação Espacial pela PUC Minas (2007). Coordena projetos de P&D aprovados na Fapemig, CEMIG e MCTI - Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação. Presta consultoria em análise espacial; métodos de otimização; modelagem de dados espaciais e desenvolvimento e implantação de sistemas de geovisualização / WebGIS (sistemas de informações geográficas para a web). Orienta alunos de mestrado e doutorado com bolsas do Cnpq e da Fapemig.

Matheus Pereira Libório, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, PUC Minas Virtual.

Possui graduação em Ciências Econômicas (2011) e Administração de Empresas (2016), ambas pela FEAD, especialização em Geoprocessamento pela PUC, MBA em Administração Estratégica e Inteligência Competitiva pela UNIARA e mestrado em Tratamento da Informação Espacial pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (2016). Atualmente exercer as funções de Coordenador Adjunto e Professor Auxiliar I do Curso de Especialização em Geoprocessamento da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Tem experiência na área de Otimização Geográfica, Econometria e Inovação Tecnológica, atuando principalmente nos seguintes temas: administração estratégica, inteligência competitiva, tomada de decisões e geoprocessamento.

Marianna Petrovna Ekel, Bolsista, Enquadramento Funcional: Apoio Técnico III, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais, FAPEMIG, Brasil.

Possui ensino-medio-segundo-graupelo Colégio Santa Maria Coração Eucarístico(2013). Atualmente é Apoio Técnico III do Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais e da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais. Tem experiência na área de Ciência Política. 

Referências

Batella, W.B., Diniz, A.M.A., Teixeira, A.P. (2008) Explorando os determinantes da geografia do crime nas cidades médias mineiras. Revista de Biologia e Ciências da Terra, v. 8, n. 1, p. 21-31.

Brazil; Pontes, T.R. (1956) Código penal brasileiro. Livraria Freitas Bastos.

Câmara, G., Monteiro, A.M., Fucks, S.D, Carvalho, M.S. (2002) Análise espacial e geoprocessamento. Análise espacial de dados geográficos, v. 2.

Chainey, S.P. (2013) Examining the influence of cell size and bandwidth size on kernel density estimation crime hotspot maps for predicting spatial patterns of crime. Bulletin of the Geographical Society of Liege, v. 60, p. 7-19.

Eck, J., Chainey S., Cameron, J., Wilson, R. (2005) Mapping crime: Understanding hotspots. Washington. National Institute of Justice.

ESRI. (2006) ArcGIS for Desktop. Available in: http://www.esri.com/software/arcgis/arcgis-for-desktop/features>. access 12 Jul. 2016.

Harries, K.A. (1999) Mapping crime: Principle and practice. Washington. Department of Justice.

IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (2010). Censo 2010. Sinopse por setores censitários. Disponível em: http://www.censo2010.ibge.gov.br/sinopseporsetores/?nivel=st, acessado em: 07 dez. 2015.

Kampel, S.A., Câmara, G., Monteiro, A.M.V. (2001) Análise espacial do processo de urbanização da Amazônia. São José dos Campos: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais.

Laudares, S. (2014) Geotecnologia ao Alcance de Todos. Curitiba. Ed. Appris, 1 ed.

Laudares, S., Libório, M.P. (2015) Análise Discriminante em Estudos De Sistemas Integrados: Um Transecto Urbano em Itaúna-MG. Anais do XI ENANPEGE. XI ENCONTRO NACIONAL DA ANPEGE. Presidente Prudente, SP. p. 5.723-5.733.

Levine, N. (2004) CrimeStat III: a spatial statistics program for the analysis of crime incident locations (version 3.0). Houston (TX): Ned Levine & Associates/Washington, DC: National Institute of Justice.

Longley, P.A., Maguire, D.J., Goodchild, M.F., Rhind, D.W. (2013) Sistema e ciência da informação geográfica. 3. ed. Porto Alegre: Bookman.

Mathias, J.C.S. A (2010) Polícia Militar E As Políticas Públicas Municipais Na Prevenção Criminal. Revista LEVS, n. 5.

Moresi, E.A.D., Santos Filho, R.P. dos, Silva, J.W.C. da. (2012) Inteligência Geoespacial: um estudo aplicado à Polícia Civil do Distrito Federal. Sistemas, Cibernética e Informática v. 9, n. 2.

Parzen, E. (1962) On estimation of a probability density function and mode. The annals of mathematical statistics, v. 33, n. 3, p. 1065-1076.

Pereira, A.L.G., Grassi, R.A. (2013) Compreendendo a redução dos homicídios no estado de São Paulo no período 1998-2008. Revista Teoria e Evidência Econômica, v. 19, n. 40.

Rosenblatt, M. (1956) Remarks on some nonparametric estimates of a density function. The Annals of Mathematical Statistics, v. 27, n. 3, p. 832-837.

Santos, M.A.F. (2016) Territórios Do Crime No Espaço Urbano E Mecanismos De Prevenção. Revista da ANPEGE, v. 11, n. 16, p. 279-341.

Shikida, P.F.A. (2005) Economia do crime: teoria e evidências empíricas a partir de um estudo de caso na Penitenciária Estadual de Piraquara (PR). Revista de Economia e Administração, São Paulo, v. 4, n. 3, p. 315-342.

Sousa Neto, H.A. de. (2011) Crime de furto: fatores preponderantes para a baixa resolutividade em Teresina. [on-line]. Universidade Federal de Santa Catarina. Projeto Buscalegis.

Tavares, C.L. (2015) A relação entre fatores socioeconômicos e índice de homicídios em Betim-MG: uma modelagem utilizando sistemas de informações geográficas. Belo Horizonte: FACE.

Downloads

Publicado

09/02/2018

Como Citar

Silva, E. P. da, Laudares, S., Libório, M. P., & Ekel, M. P. (2018). CRIMINALITY SPATIAL DYNAMIC IN MANAUS CITY, AM. HOLOS, 1, 259–270. https://doi.org/10.15628/holos.2018.5698

Edição

Seção

ARTIGOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)