PROCESSO EDUCACIONAL INCLUSIVO: DAS DISCUSSÕES TEÓRICAS À NECESSIDADE DA PRÁTICA

Autores

  • Diego Salomão Candido de O Salvador
  • Dante Henrique Moura
  • José Aldivan de A Silva
  • Silvan Ferreira Maia

DOI:

https://doi.org/10.15628/holos.2006.15

Resumo

O presente artigo trata do processo educacional inclusivo. Nesse processo prevê-se o atendimento educacional significativo a todos, sem exceções, tratando as diferenciações cognitivas, sociais, econômicas, políticas, culturais, dentre outras, como sinônimos de riquezas e não de limitações. Com isso, diz-se que o processo inclusivo é uma opção para dar início à minimização dos graves problemas existentes no sistema educacional em vigência, que é excludente. O objetivo no artigo é refletir sobre o processo educacional inclusivo. A metodologia adotada é a de revisão bibliográfica de alguns dos pensadores que investigam o tema, bem como com a consideração de percepções de docentes sobre como se apresenta na realidade a inclusão educacional. Por fim, conclui-se que, apesar do modelo social em vigor, algumas mudanças demandadas urgentemente pelos processos educacionais são possíveis, desde que todos os envolvidos no ambiente escolar se comprometam com elas e executem as práticas educacionais inclusivas, que são transformadoras. Para isso, é imprescindível que se leve as premissas da educação inclusiva da teoria à prática. PALAVRAS-CHAVE: Educação. Inclusão. Todos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Publicado

26/12/2007

Como Citar

Salvador, D. S. C. de O., Moura, D. H., Silva, J. A. de A., & Maia, S. F. (2007). PROCESSO EDUCACIONAL INCLUSIVO: DAS DISCUSSÕES TEÓRICAS À NECESSIDADE DA PRÁTICA. HOLOS, 3, 11–23. https://doi.org/10.15628/holos.2006.15

Edição

Seção

ARTIGOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>