CONTROLE DE PROCESSO EM LABORATÓRIO DE PROCESSAMENTO MINERAL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15628/holos.2017.6522

Palavras-chave:

Controle de processo, instrumentação, processamento mineral

Resumo

O controle de processo tem grande importância nas plantas de tratamento de minérios. A instrumentação utilizada é incipiente na maior parte das usinas. Isto se deve provavelmente à ausência deste conteúdo no currículo dos cursos técnicos e de graduação na área mineral. Este trabalho tem como objetivo apresentar a inclusão do controle de processo utilizando inversores de frequência e a plataforma Arduino, tendo em vista a automação de processo em equipamentos de laboratório de processamento mineral. O uso do inversor de frequência permitiu efetuar controle de processos, tais como: taxa de alimentação, vazão, pressão, força G, frequências, entre outros. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

José Yvan Pereira Leite, Instituto Federal do Rio Grande do Norte

Prof. Tecnologia Mineral - Laboratório de Tecnologia Mineral IFRN

Bruno Gonçalves Silva, Laboratório de Tecnologia Mineral - IFRN

Técnico em Mineração - Laboratório de Tecnologia Mineral - IFRN

Daniel Nunes da Silva, Laboratório de Tecnologia Mineral - IFRN

Técnico em Mineração - Laboratório de Tecnologia Mineral - IFRN

José Rodolpho Marinho Texeira, Laboratório de Tecnologia Mineral - IFRN

Técnico em Mineração - Laboratório de Tecnologia Mineral - IFRN

Referências

ARDUINO (2017). https://www.arduino.cc . Acesso em 30/maio/2017.

BARANCOURT, L. (2017). How the Internet of Things can meet expectations in mining. Australian Mining. https://www.australianmining.com.au/features/internet-things-can-meet-expectations-mining/ Acesso em 30/maio/2017.

J. E. Carlson, . J. E., Stener, F., Sand, A., Pålsson, B. I. (2015). "In-situ monitoring of particle velocities and solids concentration variations in wet low-intensity magnetic separators," 2015 IEEE International Ultrasonics Symposium (IUS), Taipei, pp. 1-4.

CHAVES, A. P. (1996). Teoria e Prática do Tratamento de Minérios. Signus Editora, São Paulo. Chapter 2, Bombeamento de polpas. P. 79-129.

HOUDOIN, D., JAMSA-JOUNELA, S. L., CARVALHO, M. T., BERGH, L. (2001). State of the art and challenges in mineral processing control. Control Engineering Practice Volume 9, Issue 9, September, p. 995-1005

SOUSA, T. R., LEITE, J. Y. P., VERAS, M. M. (2007). Protótipo para ensaios de ciclonagem. In: II Jornada Nacional da Produção Científica em Educação Profissional e Tecnológica. SETEC/MEC. São Luís/MA. p. 1-5

OLIVEIRA, W. R. (2003). Uma análise sobre inversores de frequência e distorções harmônicas e inter-harmônicas. Universidade de Brasilia, Faculdade de Tecnologia Curso de Graduação em Engenharia de Controle e Automação, Brasilia, v. 1, n. 1, p.1-69

WEG et al. (2006). Manual do usuário: Inversor de frequência. Santa Catarina. Weg. p. 1-138

SILVA, G.F., FREITAS, A.F., LIMA, G.C.L., ORMIANIN, G.L.C. (2015). SUBSTITUIÇÃO DOS VARIADORES DE VELOCIDADE DAS PLANTAS DE BRITAGEM E PENEIRAMENTO DE PEDRAS DE XISTO POR INVERSORES DE FREQUÊNCIA, Poços de Caldas-MG,v.1,n.1,p1-7

STENER, J. F., CARLSON, J. E., SAND, A., PALSSON, B. I. (2016). Monitoring mineral slurry flow using pulse-echo ultrasound. Flow Measurement and Instrumentation. Volume 50, p. 135-146

TEZZA, Cristian Benedet et al. (2009). Inversores de Frequência Aplicados em Processos de Mineração Trazem Ganho de Produtividade, Economia de Energia e Manutenção Reduzida. Weg Automação, Jaraguá do Sul, v. 1, n. 1, p.1-5

Downloads

Publicado

05/12/2017

Como Citar

Leite, J. Y. P., Silva, B. G., Silva, D. N. da, & Texeira, J. R. M. (2017). CONTROLE DE PROCESSO EM LABORATÓRIO DE PROCESSAMENTO MINERAL. HOLOS, 6, 241–248. https://doi.org/10.15628/holos.2017.6522

Edição

Seção

ARTIGOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 3 4 5 6 7 > >>