ECLIPSES: DESVELANDO SEUS CONCEITOS E MECANISMOS PARA O AVANÇO DA CIÊNCIA

Jandson Wendel da Silva Bernardino

Resumo


Discorre-se sobre a formação dos conceitos sobre eclipses ao longo dos séculos. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica que parte da compreensão de que os conceitos servem para explicar os fenômenos e fatos de forma racional e lógica, problematizando-se o fenômeno em estudo em cada momento histórico e contextual. Objetiva-se fazer um levantamento de estudos que tratam sobre os eclipses para desvelar a formação de seus conceitos ao longo dos séculos até o século XXI. Este artigo estrutura-se em quatro tópicos: no primeiro constrói-se uma abordagem em torno dos primeiros registros humanos explicativos sobre eclipses, como representação social de um fenômeno celeste que enviava mensagem aos homens; no segundo discorre-se acerca da construção de novas formas de compreensão conceitual sobre os eclipses; no terceiro faz-se uma reflexão em torno dos estudos sobre os eclipses que ajudaram no avanço da ciência; por fim, no quarto tópico, dá-se continuidade à abordagem sobre os estudos informando a partir desses o mecanismo de funcionamento dos eclipses.


Palavras-chave


Eclipses, Formação de Conceitos, Registros Astronômicos, Avanço da Ciência.

Texto completo:

PDF

Referências


BARROS-PEREIRA, H. A. de. et al. Esferas de Aristóteles, círculos de Ptolomeu e instrumentalismo de Duhem. Revista Brasileira de Ensino de Física, v. 33, n. 2, p. 1-14, Curitiba, Julho, 2011. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/rbef/v33n2/a17v33n2.pdf> Acesso em 19 fev. 2016.

FARIA, R. P. et al. Fundamentos de Astronomia. 1. ed. Campinas, SP: Papirus, 1982.

HOFFMAN, M. A. Egypt Before the Pharaohs: the prehistoric foundations of Egyptian civilization. New York, NY: Alfred A. Knopf, 1979.

MEDEIROS, A.; MONTEIRO, M. A. A invisibilidade dos pressupostos e das limitações da teoria Copernica nos livros didáticos de Física. Caderno Brasileiro de Ensino de Física, 2002, v. 19, n. 1, p. 29 – 52, Abril, 2002. Disponível em: < https://periodicos.ufsc.br/index.php/fisica/article/view/9293/8584> Acesso em 07 mar. 2016.

PORTO, C. M.; PORTO, M.B.D.S.M. A evolução do pensamento cosmológico e o nascimento da ciência moderna. Revista Brasileira de Ensino de Física, v. 30, n. 4, p. 4601-1 – 4601-9, Agosto, 2008. Disponível em: Acesso em: 04 mai. 2016.

REIS, N. T. O. Eclipses ao longo dos Séculos. Ministério da Educação – MEC, Universidade Internacional do Espaço – ISU, Estagiária no Centro de Vôo Espacial NASA Goddard, Verão de 2008. Disponível em: Acesso em: 23 jan. 2016.

REIS, N. T. O.; GARCIA, N. M. D.; BALDESSAR, P. S. Métodos de projeção para observação segura de eclipses solares. Caderno Brasileiro de Ensino de Física, v. 29, n. 1, p. 81-113, Brasília, Abril, 2012. Disponível em: Acesso em: 02 abr. 2016.

RODRIGUES, O. M. A. do C. O Ciclo solar. Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, Departamento de Matemática Aplicada, Setembro, 2000. 120 f, Dissertação de Mestrado. Universidade do Porto. 2011. Disponível em: Acesso em: 12 mar. 2016.

RODRIGUES, B. C. G. da C. O ensino da Astrofísica no 3º Ciclo do Ensino Básico. Departamento de Física, Faculdade de Ciências e Tecnologia. Faro, 2006. 99 f, Dissertação de Mestrado. Universidade do Algarve. 2006. Disponível em: Acesso em: 21 abr. 2016.




DOI: https://doi.org/10.15628/holos.2020.5591



 

HOLOS IN THE WORLD