EFEITO DO TEOR DE COBALTO NA SINTERIZAÇÃO DO COMPÓSITO CERÂMICO Al2O3 – Co

Autores

  • Raimison Bezerra de Assis Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) - Campus Jacobina. Programa de Pós-graduação em Ciência e Engenharia de Materiais (PPGCEM), Universidade Federal do Rio Grande do Norte.
  • José Leonaldo de Souza Programa de Pós-graduação em Engenharia Mecânica (PPGEM), Universidade Federal do Rio Grande do Norte.
  • Elione Moura Carlos Programa de Pós-graduação em Engenharia Mecânica (PPGEM), Universidade Federal do Rio Grande do Norte.
  • Renata Ferreira de Sousa Programa de Pós-graduação em Engenharia Mecânica (PPGEM), Universidade Federal do Rio Grande do Norte.
  • Tatiane Potiguara Oliveira Programa de Pós-graduação em Engenharia Mecânica (PPGEM), Universidade Federal do Rio Grande do Norte.
  • Uílame Umbelino Gomes Departamento de Física Teórica e Experimental (DFTE), Universidade Federal do Rio Grande do Norte.
  • Fabiana Villela da Motta Departamento de Engenharia de Materiais (DEMat), Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Programa de Pós-graduação em Ciência e Engenharia de Materiais.
  • Franciné Alves da Costa Departamento de Engenharia Mecânica (DEM), Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

DOI:

https://doi.org/10.15628/holos.2015.2239

Palavras-chave:

compósito cerâmico, alumina – cobalto, sinterização

Resumo

Compósitos cerâmicos a base de Al2O3 - Co apresentam propriedades específicas como baixa densidade, alta resistência à oxidação, alta dureza da fase cerâmica com a excelente tenacidade e boa trabalhabilidade da fase metálica, bem como, a boa biocompatibilidade de ambas as fases. O compósito alumina – cobalto apresenta ser um material promissor para ser aplicado em biomateriais ou ferramenta de corte. Este trabalho tem como objetivo avaliar o efeito do teor de cobalto na sinterização do compósito Al2O3 – Co. Os pós de partida de alumina e cobalto foram moídos e homogeneizados com teores de 5% e 20% cobalto, em seguida prensados no formato de corpos de prova circular com diâmetro de 5 mm a uma pressão uniaxial de 25 MPa e sinterizados a 1050°C durante 1h com taxa de aquecimento de 10°C/min em forno resistivo. As matérias-primas foram caracterizadas por difração de raios X (DRX), termogravimetria (TG/ DSC) e microscopia eletrônica de varredura (MEV). Os corpos de prova sinterizados foram submetidos a ensaios tecnológicos (AA, PA, MEA) e microscopia eletrônica de varredura. Os resultados evidenciam o efeito significativo do teor de cobalto na sinterização do compósito cerâmico Al2O3–Co, apresentando valores satisfatórios para o compósito Al2O3 – 5% Co.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

LEE BT; KIM KH; ESFAKUR RAHMAN AHM; SONG HY. Microstructures and Mechanical Properties of Spark Plasma Sintered Al2O3-Co Composites Using Electroless Deposited Al2O3-Co Powders. Materials Transactions. 2006; 49 (6): 1451-1455.

YING DY; ZHANG DL. Processing of Cu- Al2O3 Metal Matrix Nanocomposite Materials by Using High Energy Ball Milling. Mater. Sci. and Eng. 2000; A 286: 152-156.

NIIHARA, K; NAKAHIRA, A. Particulate strengthened ceramics nanocomposites. In: Vincenzini, P. (Ed.). Advanced Structural Inorganic Composites.Elsevier, 1991.

KO IY; KIM NR; LEE JY; PARK NR; DOH JM; SHON IJ. Properties and Consolidation of Nanocrystalline 2Cu- Al2O3 Composite by Rapid Sintering. Res Chem Intermed. 2010; 36: 775-784

FERKEL H., Properties of Copper Reinforced by Laser-Generated Al2O3-Nanoparticles. NanoStructured Materials. 1999; 11 (5): 595-602.

CHINELATTO ASA. Evolução Microestrutural Durante a Sinterização de Pós Finos e de Alta Pureza de Alumina. Tese ( Doutorado em Ciência e Engenharia de Materiais), São Carlos – SP: Universidade Federal de São Carlos, 2002.

SOREN LM; PEDERSEN S. FeAl2O3 nanocomposites prepared by high energy ball milling. J. Appl. Phys. 1994; 75. doi: 10.1063/1.355544.

Downloads

Publicado

28/02/2015

Como Citar

Assis, R. B. de, Souza, J. L. de, Carlos, E. M., Sousa, R. F. de, Oliveira, T. P., Gomes, U. U., Motta, F. V. da, & Costa, F. A. da. (2015). EFEITO DO TEOR DE COBALTO NA SINTERIZAÇÃO DO COMPÓSITO CERÂMICO Al2O3 – Co. HOLOS, 1, 13–20. https://doi.org/10.15628/holos.2015.2239

Edição

Seção

ARTIGOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)