ANÁLISE DE UMA ORGANIZAÇÃO FAMILIAR À LUZ DO MODELO MULTIDIMENSIONAL-REFLEXIVO

Isabela Neves Ferraz, Henrique Sérgio Barros Cavalcanti Junior, Maíra Neves Ferraz

Resumo


O principal objetivo deste trabalho consiste em analisar, a partir da realização de um estudo de caso, uma organização familiar, tendo como referência o Modelo Multidimensional-Reflexivo de Alves (2003). Todos os característicos retratados no presente artigo, obtidos através da pesquisa documental, entrevistas e observação não-participante, e analisados por meio da técnica de análise de conteúdo, permitiram, como principal achado, o enquadramento da empresa familiar analisada como uma organização, de fato, equiparativo-adaptadora, à luz do modelo formulado por Alves (2003).

Palavras-chave


Organizações; Empresas familiares; Modelo Multidimensional

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Sérgio. Racionalidade, carisma e tradição nas organizações empresariais contemporâneas. Recife: Editora UFPE, 2003

ANTONIALLI, L. M. Problemas de sucessão e a sobrevivência das empresas familiares. In: SEMINÁRIOS EM ADMINISTRAÇÃO, 1998, São Paulo. Anais... São Paulo: FEA/USP, 1998. 1 CD-ROM.

BARROS, Daniel Lins. Análise de uma organização penitenciária feminina à luz do modelo multidimensional - reflexivo. Dissertação apresentada no Programa de Pós-Graduação em

Administração na Universidade Federal de Pernambuco, 2007.

CAMPOS, L. J. & MAZZILLI, C. Análise do processo sucessório em empresa familiar: um estudo de caso. Anais do XXII Encontro Nacional da Associação Nacional de Programas de Pós-Graduação em Administração, 1998. Disponível em CD-ROM.

CORREIA, Milka Alves. Análise de uma organização hospitalar à luz do modelo multidimensional-reflexivo de Alves (2003). Dissertação apresentada no Programa de Pós-

Graduação em Administração na Universida de Federal de Pernambuco, 2007.

CRESWELL, J. Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. Porto Alegre:

Bookman, 2010.

GIL, A.C. Como classificar as pesquisas? In: Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, p. 44-45, 2002.

GIL, Antônio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Atlas, 2006.

GODOI , C. K.; MATTOS, Pedro L. C. L.de. Entrevista qualitativa: instrumento de pesquisa e

evento dialógico. In: Pesquisa qualitativa em estudos organizacionais: paradigmas, estratégias e métodos. GODOI, C. K.; BANDEIRA - DE -

MELO, R.; SILVA, A. B. da.; (org). São Paulo: Saraiva, 2006. p.301-323.

GRZYBOVSKI, D.; TEDESCO, J. C. Empresa familiar x competitividade: tendências e racionalidades em conflito. Revista Teoria e Evidência Econômica, Passo Fundo, v. 6, n. 11, p. 37-68, nov. 1998.

LETHBRIDGE, Eric. Tendências da empresa familiar no mundo. Revista do BNDES, n. 7, Brasília, 1997. Disponível em: http://www.bndes.gov.br. Acesso em: 20 set. 2012.

LIMA, Manolita C. Tipos de pesquisa e técnicas de coleta de materiais – a pesquisa de campo: observação direta intensiva – realização de entrevistas In: ______. Monografia: a engenharia da produção acadêmica. São Paulo: Saraiva, 2004.

MACÊDO, Kátia B. Cultura, poder e decisão na organização familiar brasileira. Revista de Administração de Empresas - RAE - eletrônica, v. 1, n. 1, jan./jun. 2002. Disponível em: http://www.rae.com.br/eletronica. Acesso em: 09 dez. 2012.

NEVES, J. L., Pesquisa qualitativa: características, usos e possibilidades. Cadernos de pesquisas em administra¬ção, São Paulo, v. 1, n. 3, p. 103 - 113, 2 sem. 1996.

PEREIRA, Fernanda Cristina Barbosa. Administração estratégica nas Universidades federais: um estudo de caso na Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, 1999.

Dissertação apresentada no Programa de PósGraduação em Engenharia de Produção, Universidade Federal de Santa Catarina. Disponível em: http://teses.eps.ufsc.br/defesa/pdf/3656.pdf. Acesso em: 20 jun. 2012.

QUIVY, R; CAMPENHOUDT, L. V. Manual de Investigação em Ciências Sociais. 2 ed. Lisboa:

Gradiva; 1998.

SILVA, C. R.; GOBBI, B. C.; SIMÃO, A. A. O uso da análise de conteúdo como ferramenta para pesquisa qualitativa: descrição e aplicação do método. Organizações Rurais e Agroindustriais. Revista Eletrônica de Administração da UFLA. Lavras - MG, v. 7, n. 1, p. 70 - 81, jan/abr 2005.

SOARES, J.; MACHADO, A.C.; MAROCCO, B. Gestão em família. Pequenas Empresas Grandes Negócios. Rio de Janeiro, v. 9, n° 107, p:30-35, dezembro 1997.

TOSO JUNIOR et al. Alguns aspectos da administração familiar no Brasil. Revista Reverte,

WEBER, Max. Economia e sociedade. Revisão técnica de Gabriel Cohn. Brasília: Ed. UNB, 1999, v. 2




DOI: https://doi.org/10.15628/holos.2015.1390



 

HOLOS IN THE WORLD