CARACTERIZAÇÃO DE COMPOSÍTOS DE POLIURETANO DE ÓLEO DE MAMONA COM PÓ DE VIDRO PARA APLICAÇÕES EM ISOLANTES TÉRMICOS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15628/holos.2021.9581

Palavras-chave:

PURM, GP, compósito, condutividade térmica, massa específica

Resumo

A produção de compósitos PURM (espuma rígida de poliuretano à base de óleo de mamona) com o resíduo do pó de vidro (GP) oriundo do processo de lapidação é uma ação econômica e renovável de fabricação de materiais isolantes térmicos. Com base nestes aspectos, o estudo teve como objetivo caracterizar os compósitos PURM com 5%, 10%, 20%, 30%, 40% e 50% em massa de GP, observando-se a influência destes porcentuais de GP na matriz dos compósitos PURM. Os resultados das caracterizações de massa específica, condutividade térmica, morfologia por MEV e microanálise química EDS foram apresentados e discutidos. De uma forma geral, a estrutura do PURM puro apresentou poros grandes, regulares e alongados, enquanto os compósitos de PURM + GP mostraram estruturas de poros irregulares, pequenos e arredondados com presença de células deformadas. A massa específica apresentou uma relação proporcional com a condutividade térmica e o percentual de GP destes compósitos de PURM. Entretanto, observaram-se semelhanças na condutividade térmica dos compósitos PURM-GP5 e PURM-GP10 e PURM puro. Portanto, estes compósitos podem ser aplicados como isolantes térmicos. Sendo assim, a aplicabilidade deste resíduo pode contribuir econômica e ambientalmente através redução proporcional do consumo de matéria-prima e do descarte de tais resíduos no meio ambiente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Alvaro Cesar pontes Galvao, UFRN -universidade federal do Rio grande do Norte

UFRN, pós graduação de engenharia mecânica

Janaina Silva de Santana, Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN / Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica - PPGEM

Possui graduação em Engenharia de Materiais (2005) e mestrado em Engenharia Mecânica (2009), ambos pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), e especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho (2013) pela Universidade Potiguar (UnP). Realizou pesquisa na área de Tecnologia de Materiais com ênfase em Tribologia de Metais, Cerâmicas e Polímeros. Atualmente é doutoranda em Engenharia Mecânica na UFRN, onde desenvolve pesquisa com materiais Compósitos.

Aline Cristina Mendes de Farias, Universidade Federal da Paraíba - UFPB / PROGEP/ CQVSST/ Divisão de Segurança do Trabalho - DIST

Possui graduação em Engenharia de Materiais (2007), Mestrado (2011) e Doutorado (2015) em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho (2012) pela Universidade Potiguar (UNP). Realizou pesquisas nas áreas de tecnologia dos materiais e mecânica do contato. Atuou como docente dos cursos de Engenharia Mecânica e Engenharia Civil na Maurício de Nassau (Natal/RN) e nos cursos do PRONATEC ofertados pela EAJ/UFRN (Campus de Natal/RN) e pelo IFRN (Campus Central de Natal/RN e Campus de Santa Cruz/RN) e como tutora do curso técnico de segurança do trabalho, em EAD, no Campus EAD do IFRN (Natal/RN). Foi servidora da UFPE, onde fez parte da SESST/NASS, colaborando nas áreas de segurança e saúde do trabalho (2018 e 2019) como engenheira de segurança do trabalho. A partir de 2020 passou a integrar a equipe da DIST/CQVSST da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), onde contribui no desenvolvimento e aplicações de ações para melhoria de condições mais seguras de trabalho nesta Instituição.

José Ubiragi de Lima Mendes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN / Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica - PPGEM

Possui graduação em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal da Paraíba (1978), mestrado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal da Paraíba (1985) e doutorado em Ciência e Engenharia de Materiais pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2002). Atualmente é Professor Titular do Departamento de Engenharia Mecânica da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Tem experiência na área de Engenharia Mecânica, com ênfase em Transferência de Calor, atuando principalmente nos seguintes temas: energia, materiais compósitos, transferência de calor e isolamento térmico, estática e dinâmica dos fluidos.

Referências

Mano EB., Mendes LC. Introdução a Polímeros. Editora Edgard Blücher Ltda, São Paulo, Brazil; 1999. In Portuguese.

Oertel G.Polyurethane handbook. Ed. Macmillan Publishing Co.,inc., New York, USA;1985.

Motta BCS. Estudo do efeito do uso de poliol reciclado nas propriedades mecânicas da espuma rígida de poliuretano.[Dissertation]; São Paulo. Polytechnic School, University of São Paulo, 2011. In Portuguese.

Fischer GR. Gestão de resíduos industriais. Apostille – GRF Treinamento e Gestão Ambiental, 248p., 2002. In Portuguese.

Alves WF. Preparação e caracterização e blendas de poliuretano derivado do óleo de mamona e o poli(o-metoxianilina) e sua avaliação como sensor. [Dissertation]; Ilha Solteira. State University of Rio Grande do Norte, 2005. In Portuguese

Cangemi JM., Santos AM., Claro Neto S. A revolução verde da mamona. Química nova na Escola; 2010; 32; 3-7. In Portuguese.

Santos WJ. Caracterização de vidros planos transparentes comerciais. Scientia Plena; 2009; 5 (2): 1–4. In Portuguese.

Galvão ACP., Medeiros PSG., Farias ACM., Carlos EM, Mendes JUL. Evaluation of thermal insulation of the rigid polyurethane foam filled with glass powder. In: Proceedings of 22nd International Congress of Mechanical Engineering, 2013.

Mendes JUL. Desenvolvimento de um compósito biodegradável para isolamento térmico. [thesis]; Natal. Federal University of Rio Grande do Norte, 2002. In Portuguese

Martins JG., Pinto EL. O vidro. Série Materiais. 1st edition,Brazil; 2004. In Portuguese.

ThirumaL M., Khastgir D., Singha NK., Manjunath BS., Naik YP. Mechanical, morphological and thermal properties of rigid polyurethane foam: effect of the fillers. Cellular Polymers; 2007; 26 (4): 245–259.

Borges JCS. Compósito de poliuretano de mamona e vermiculita para isolação térmica. [Dissertation]; Natal. Federal University of Rio Grande do Norte, 2009. In Portuguese

Downloads

Publicado

15/06/2021

Como Citar

Galvao, A. C. pontes, Silva de Santana, J., de Farias, A. C. M., & Mendes, J. U. de L. (2021). CARACTERIZAÇÃO DE COMPOSÍTOS DE POLIURETANO DE ÓLEO DE MAMONA COM PÓ DE VIDRO PARA APLICAÇÕES EM ISOLANTES TÉRMICOS. HOLOS, 1, 1–12. https://doi.org/10.15628/holos.2021.9581

Edição

Seção

ARTIGOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)