USO DAS INFORMAÇÕES FINANCEIRAS PARA O GERENCIAMENTO DE TÍTULOS DE RENDA VARIÁVEL: PERFIL DOS ANALISTAS DE INVESTIMENTO

Autores

  • Santiago Valcacer Rodrigues Universidade de Fortaleza - Unifor
  • Editinete André da Rocha Garcia Universidade Federal do Ceará - UFC
  • Polyana Karina Mendes Ximenes Universidade de Fortaleza - Unifor
  • Heber José Moura Universidade de Fortaleza - Unifor

DOI:

https://doi.org/10.15628/holos.2015.2719

Palavras-chave:

Finanças Comportamentais, Analytic Hierarchy Process, Renda Variável

Resumo

O estudo procura compreender o comportamento dos analistas de investimentos diante de sua preferência no posicionamento das ações negociadas na bolsa de valores brasileira (BM&FBOVESPA) em 2012. A pesquisa tem uma abordagem de natureza preponderantemente quantitativa, por meio do método AHP Standard e da aplicação de testes estatísticos de correlação. A amostra do estudo foi construída por analistas de investimentos credenciados pela Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais – APIMEC em Fortaleza/CE. A metodologia foi aplicada às 10 ações mais negociadas e fez uso de 10 indicadores financeiros e de mercado mais utilizados na análise de decisão de investimentos em ativos financeiros. Os resultados apontam para uma falta de unanimidade entre os profissionais no que se refere à composição de portfólios. Ademais, o grupo de profissionais não seguiu, em grande parte, a lógica financeira esperada diante das variáveis estudadas. A investigação apontou para um comportamento heterogêneo por parte daqueles que fazem recomendações de investimentos aos clientes, assim como detectou sérias inconsistências por parte dos profissionais da área.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

ALLEN, W. B.; DOHERTY, N. A.; MANSFIELD, E.; WEIGELT, K. Managerial Economics: theory, applications, and cases. 6th ed. Nova York: W. W. Norton & Company, 2005.

BASU, S.; RAJ, M.; TCHALIAN, H. A Comprehensive Study of Behavioral Finance. Journal of Financial Service Professionals, v. 62, n. 4, p. 51-62, 2008.

BERNSTEIN, P. L. Desafio aos Deuses: A Fascinante Historia do Risco. Rio de Janeiro: Elsevier, 1997.

CASTRO JR., F. H. F. DE; FAMÁ, R. As novas finanças e a teoria comportamental no contexto da tomada de decisão sobre investimentos. Caderno de Pesquisas em Administração, São Paulo, v. 09, n. 2, abril/junho, 2002.

CATAPAN, A.; CATAPAN, E. (2006). Rentabilidade e endividamento do setor elétrico brasileiro: um enfoque sobre sustentabilidade organizacional. ANAIS DO ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO, Fortaleza, CE, Brasil, 26, Outubro, 2006.

EID JR, W.; PEREIRA, S. C. Medidas de criação de valor e retorno das ações. ANAIS DO ENCONTRO NACIONAL DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO - ENAPAD, Salvador, BA, Brasil, 26, setembro, 2002.

FAMA, E.F. Efficient Capital Markets: a review of theory and empirical work. Journal of Finance, Chicago: American Finance Association, p.383-417, maio, 1970.

FREZATTI, F.; GUERREIRO, R.; AGUIAR, A.; GOUVÊA, M. Análise do Relacionamento entre a Contabilidade Gerencial e o Processo de Planejamento das Organizações Brasileiras. Revista de Administração Contemporânea. 2 Edição Especial, p. 33-54, 2007.

GAZZANEO, B. Pré-seleção de ações para a construção de carteiras eficientes. (Dissertação de Mestrado) Faculdades IBMEC, Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 2008.

GOODWIN, P.; WRIGHT, G. Decision Analysis for Management Judgment. 3. ed. West Sussex: John Wiley & Sons Ltd, 2004.

KAHNEMAN, D.; TVERSKY, A. Prospect theory: an analysis of decision under risk. Econometrica, v. 47, n. 2, p. 263-291, 1979.

KIMURA, H.; BASSO, L. F. C.; KRAUTER, E. Paradoxos em finanças: teoria moderna versus finanças comportamentais. Revista de Administração de Empresas – ERA – FGV, São Paulo, v. 46, n 1, p. 41-58, jan/mar, 2006.

KLOTZLE, M. C.; GOMES, L. L.; BRANDÃO, L. E. T.; PINTO, A. C. F. Desenvolvimento de uma medida de desempenho comportamental. Revista Brasileira de Finanças, Rio de Janeiro, v. 10, n. 3, p. 395–416, 2012.

LEE, A.; KOZAR, K. Investigating the effect of website quality on e-business success: An analytic hierarchy process (AHP) approach. Decision Support Systems, v. 42, p.1383–1401, 2006.

LINTNER, J. Security prices, risk, and the maximal gains from diversification. Journal of Finance, v. 20, n. 4, p. 587–615, 1965.

MACHADO, E.; GOMES, L.; CHAUVEL, M. Avaliação de estratégias em marketing de serviços: Um enfoque multicritério. Revista de Administração Mackenzie, v. 4, n. 2, p. 61-85, 2008.

MARKOWITZ, H. M. Portfolio Selection. The Journal of Finance, Chicago: American Finance Association, v. 7, n. 1, p. 77-91, 1952.

_____. (1959). Portfolio Selection. New York: John Wiley & Sons.

MAS-COLELL, A.; WINSTON, M. D.; GREEN, J. R. Microeconomic theory. Oxford: Oxford University Press, 1995.

MOSCA, A. Finanças Comportamentais: gerencie suas emoções e alcance sucesso nos investimentos. Rio de Janeiro: Elsevier (Expo Money), 2009.

MOSSIN, J. Equilibrium in a Capital Asset Market. Econometrica, v. 34, n. 4, Oct., pp.768-783, 1966.

MOURA, H. J.; NOGUEIRA, C. A. G.; CAPELO, E. JR.; BORGES, J. F. Proposta para determinação do perfil de profissionais de investimento por meio de funções de utilidade. ANAIS DO XXXV ENCONTRO DA ANPAD, Rio de Janeiro, 2011.

MUSSA, A.; YANG, E.; TROVÃO, R.; FAMÁ, R. Hipótese de Mercado Eficiente e Finanças Comportamentais: As discussões persistem. Revista FACEF PESQUISA - v.11, n.1, 2008.

OKIMURA, R. T.; SOUSA, A. F. O valor adicionado possui maior correlação com o retorno das ações do que o lucro líquido no Brasil. ANAIS DO ENCONTRO NACIONAL DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO, Curitiba, PR, Brasil, 28, Setembro, 2004.

OYATOYE, E.; OKPOKPO, G.; ADEKOYA, G. An application of analytic hierarchy process (AHP) to investment portfolio selection in the banking sector of the Nigerian capital market. Journal of Economics and International Finance, v. 2, n. 12, p. 321-335, 2010.

PANDELO JR, D. R. Análise do Perfil do Investidor com Base em Análise de suas Percepções Subjetivas de Risco e Retorno. Revista Cesumar - Ciências Humanas e Sociais Aplicadas, v. 15, n. 1, jan./jun., p. 171-187, 2010.

PETERSEN, H. C.; LEWIS, W. C. Managerial Economics. 4. ed. Upper Saddle River (Nova Jersey): Prentice-Hall, 1999.

PIMENTA, D. P.; RIBEIRO, K. C. de S. Finanças Comportamentais: Um Estudo sobre a Confiabilidade das Decisões dos Investidores, Analistas e Profissionais de Investimento à Luz da Metodologia Brier Score. In: XIII SEMEAD – SEMINÁRIO EM ADMINISTRAÇÃO – USP, São Paulo, setembro, 2010.

PINHEIRO, J. L. (2009). Mercado de capitais: fundamentos e técnicas. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2009.

RAGSDALE, C. T. Spreadsheet modeling & decision analysis: a practical introduction to Management Science. 4. ed. Mason (Ohio): South-Western, 2004.

ROGERS, P.; SECURATO, J. R.; RIBEIRO, K. C. de S. Finanças Comportamentais no Brasil: Um Estudo Comparativo. Revista de Economia e Administração, v. 6, p. 49-68, 2007.

Saaty, L. Decision making with the analytic hierarchy process. Int. J. Services Sciences. 1(1), 83-98, 2008.

SHARPE, W.F. A Simplified Model for Portfolio Analysis. Management Science, Baltimore: Institute of Management Sciences, p. 277-293, jan, 1963.

SILVA, W. V.; CORSO, J. M. D.; SILVA, S. M. DA.; OLIVEIRA, E. de. Finanças Comportamentais: Análise do perfil comportamental do investidor e do propenso investidor. Revista Eletrônica de Ciência Administrativa (RECADM), v. 7, n. 2, p. 1-14, Novembro, 2008.

SPEIDELL, L. S. Investing in the Unknown and the Unknowable - Behavioral Finance in Frontier Markets, The Journal of Behavioral Finance, v. 10, p. 1–8, 2009.

SUBRAHMANYAM, A. Behavioural Finance: A Review and Synthesis. European Financial Management, v. 14, n. 1, p. 12-29, 2008.

VARIAN, H. R. Microeconomic analysis. 3. ed. Nova York: W. W. Norton & Company, 1992.

YOSHINAGA, C. E.; OLIVEIRA, R. F. DE; SILVEIRA, A. DI M. DA.; BARROS, L. A. B. de C. Finanças Comportamentais: Uma Introdução. Revista de Gestão USP, São Paulo, v. 15, n. 3, p. 25-35, jul/set, 2008.

Downloads

Publicado

2015-07-24

Como Citar

Rodrigues, S. V., Garcia, E. A. da R., Ximenes, P. K. M., & Moura, H. J. (2015). USO DAS INFORMAÇÕES FINANCEIRAS PARA O GERENCIAMENTO DE TÍTULOS DE RENDA VARIÁVEL: PERFIL DOS ANALISTAS DE INVESTIMENTO. HOLOS, 3, 354–370. https://doi.org/10.15628/holos.2015.2719

Edição

Seção

ARTIGOS