A INFLUÊNCIA DO CAMPO MAGNÉTICO NA GERMINAÇÃO DE VEGETAIS

Autores

  • Fábio Henrique Silva Sales
  • Dayanna Gomes Santos
  • Luana Lopes Padilha

DOI:

https://doi.org/10.15628/holos.2010.275

Resumo

Atualmente pesquisa-se e estuda-se bastante o fenômeno eletromagnético nas mais variadas áreas do conhecimento, desde os efeitos do campo magnético gerado por aparelhos celulares a pesquisas envolvendo campos magnéticos artificiais em vegetais e na Biofísica. Tudo isto porque o discurso do desenvolvimento auto-sustentável é o alvo do momento, utilizar os recursos do meio sejam eles vegetais ou animais, de forma consciente, de modo que as gerações futuras possam desfrutar dos mesmos assim como nós. Outro campo de importância é o das pesquisas agrícolas, em que as descobertas e o desenvolvimento de técnicas serão sempre bem-vindos, em virtude das constantes agressões sofridas pelo meio, sejam elas de natureza antrópica, como as queimadas e o desmatamento, ou natural, como as pragas que atacam as plantações. Diante disso, torna-se interessante, estudos a respeito dos fatores que influenciam ou “potencializem” a germinação de sementes e o crescimento de vegetais, objetivando a recuperação de áreas até então inutilizadas. Com tal finalidade desenvolveu-se este Projeto de Pesquisa, cultivando algumas amostras de alface em laboratório, esperando-se que o campo magnético gerado pelo solenóide, atuasse sobre os íons que compõem a seiva bruta, facilitando assim a sua subida e consequentemente a aceleração do crescimento do vegetal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Publicado

20/04/2010

Como Citar

Sales, F. H. S., Santos, D. G., & Padilha, L. L. (2010). A INFLUÊNCIA DO CAMPO MAGNÉTICO NA GERMINAÇÃO DE VEGETAIS. HOLOS, 1, 22–30. https://doi.org/10.15628/holos.2010.275

Edição

Seção

ARTIGOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)