PREVISÃO DE RADIAÇÃO SOLAR INCIDENTE NO ESTADO DO CEARÁ - BRASIL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15628/holos.2016.2706

Palavras-chave:

Radiação solar, Energias Renovávies, Previsão

Resumo

Esse trabalho tem como objetivo fazer previsão de radiação solar para geração de energia elétrica no Estado do Ceará, nordeste Brasileiro. Para isso, foi realizado comparação de métodos estatísticos de previsão (médias móveis e projeção exponencial) para geração de séries temporais, aplicados a radiação solar incidente, cujos dados reais foram medidos nas dependências do Departamento de Engenharia Elétrica (DEE) da Universidade Federal do Ceará (UFC), campus Fortaleza, de propriedade do Laboratorio de Energias Alternativas - LEA da UFC . Com essa pesquisa, ficou constatado que o método de projeção exponencial é a melhor escolha para se realizar uma previsão de série temporal a partir dos dados mencionados. Essa conclusão é baseada no fato de que este método tanto para o período chuvoso, como para o período seco, fornece os menores valores de RMSE como, por exemplo, para o mês de outubro no horário de 17:00h temos 1,40 W/m2, e para o MAPE, temos o valor de 4,48% também para o mês de outubro as 13:00h.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Henrique do Nascimento Camelo, IFCE/Acaraú - professor efetivo UFRN - doutorando em Ciências Climáticas.

Doutorando em Ciências Climáticas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Possui mestrado em Ciências Físicas Aplicadas pela Universidade Estadual do Ceará (2007). Tem experiência nas áreas de Ensino de Física, Física da Atmosfera e Energias Renováveis. Atualmente é professor efetivo do Curso de Física do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), campus Acaraú.

Paulo Sérgio Lucio, Programa de Pós-Graduação em Ciências Climáticas – PPGCC/UFRN – professor efetivo

Graduação em Matemática pela Universidade Federal do Espírito Santo (1987), Mestrado em Estatística pela Universidade Estadual de Campinas (1991) e Doutorado em Geofísica pelo "Institut de Physique du Globe de Paris" (1996). Pós-Doutorado no Instituto Superior Técnico de Lisboa (2001), no Centro de Geofísica da Universidade de Évora (2002-2005) e no "Laboratoire dOcéanographie et du Climat, Expérimentation et Approches Numériques" (LOCEAN) na França (2011/2012). Professor do Departamento de Estatística da Universidade Federal de Minas Gerais (1991-2002). Assessor-Técnico (colaborador sênior) do Instituto Nacional de Meteorologia (2006). Atualmente é Professor Associado do Departamento de Ciências Atmosféricas e Climáticas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Investigador Científico do Centro de Geofísica da Universidade de Évora, Coordenador do Grupo de Pesquisas do CNPq sobre "Clima, Ambiente, Saúde e Educação", Professor do Bacharelado em Meteorologia e do Programa de Pós-graduação em Ciências Climáticas (PPgCC). Coordenador do PPgCC (2012-2016) da UFRN.

Paulo Cesar Marques de Carvalho, UFC/ Departamento de Engenharia Elétrica

Possui graduação em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal do Ceará (1989), mestrado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal da Paraíba (1992) e doutorado em Engenharia Elétrica pela Universidade de Paderborn, Alemanha (1997). Atualmente é professor associado do Departamento de Engenharia Elétrica da Universidade Federal do Ceará. Tem atividades de ensino, pesquisa e extensão nos seguintes temas: geração fotovoltaica, geração eólica e biodigestores. Coordena o Laboratório de Energias Alternativas da UFC

João Bosco Verçosa Leal Junior, Universidade Estadual do Ceará – UECE – professor efetivo

possui Bacharelado em Física Geral e Fundamental pela Universidade Federal do Ceará (1994), Mestrado em Física pela Universidade Federal do Ceará (1998) e Doutorado em Física pela Universidade Federal do Ceará (2003). Atualmente é Professor Adjunto da Universidade Estadual do Ceará (UECE). Tem experiência nas áreas de Física e Geociências, com ênfase em física da atmosfera, atuando principalmente nos seguintes temas: modelagem numérica da atmosfera, micrometeorologia, microfísica de nuvens, climatologia e física estatística.

Referências

ABEEólica - Associação Brasileira de Energia Eólica. Disponível em <http://www.portalabeeolica.org.br/>. Acesso em: 22 de jan. de 2015.

CAMELO, H. N. Estudo Numerico do Vento Aracati para Caracterização de seu Potencial Eólico. 2006. 95 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Físicas Aplicadas) - Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza 2007.

GONÇALVES, F. Excel avançado 2003/2007 – Analise de Previsão de Demanda. 1 ed. Rio de Janeiro: Editora Ciência Moderna, 2007.

HYNDMAN, R.J., KOEHLER, A.B., ORD, J.K., SNYDER, R.D. Forecasting with Exponential Smoothing - The State Space Approach. 1 ed. New Jersey: Editora Springer, 2008.

MONTGOMERY, D. C., C. L. JENNINGS, and M. KULAHCI, Introduction to Time Series Analysis and Forecasting. 6 ed. New York: Wiley-Interscience, 2008.

PEDRO, H.T.C., C.F.M. Assessment of forecasting techniques for solar power production with no exogenous inputs. Solar Energy, v. 86, p. 2017–2028, mai. 2012.

TIBA, C. et al. Atlas Solarimétrico do Brasil: banco de dados terrestres. Recife: Editora Universitária da Universidadade Federal de Pernambuco - UFPE, 2000.

Downloads

Publicado

12/11/2016

Como Citar

Camelo, H. do N., Lucio, P. S., de Carvalho, P. C. M., & Leal Junior, J. B. V. (2016). PREVISÃO DE RADIAÇÃO SOLAR INCIDENTE NO ESTADO DO CEARÁ - BRASIL. HOLOS, 7, 218–230. https://doi.org/10.15628/holos.2016.2706

Edição

Seção

ARTIGOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)