RECURSOS HUMANOS EM VIGILÂNCIA SANITÁRIA: UMA DISCUSSÃO SOBRE PERFIL PROFISSIONAL

Maria Jalila Vieira de Figueirêdo Leite, Angelo Giuseppe Roncalli da Costa Oliveira

Resumo


Este estudo buscou analisar o perfil dos profissionais que atuam na Vigilância Sanitária do Rio Grande do Norte/Brasil. A coleta de dados constou da aplicação de um questionário de pesquisa, aplicado junto aos profissionais que atuam nas Vigilâncias Sanitárias das Secretarias Municipais de Saúde de Natal/RN e Mossoró/RN e da Secretaria Estadual de Saúde/RN. Foi possível concluir que a formação específica em Vigilância Sanitária dos profissionais que atuam no RN, além de ser escassa, demonstra qualidade questionável, já que não há uma regularidade na oferta e não abrange todos os profissionais, concentrando-se especialmente nos profissionais que atuam no nível central. Por outro lado, como ponto positivo, constatou-se bons níveis de experiência em serviço, o que pode favorecer a uma boa atuação profissional. O estudo alerta em relação à necessidade de uma maior intervenção nessa área, buscando a superação desses problemas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15628/holos.2008.116



 

HOLOS IN THE WORLD