DISCUSSÃO E DEBATE DE QUESTÕES CTS POR ALUNOS DO ÚLTIMO ANO DE UM CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA: DEFINIÇÕES DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Autores

  • José Antônio Pinto CEFET - MG
  • Maria Delourdes Maciel Universidade Cruzeiro do Sul

DOI:

https://doi.org/10.15628/holos.2014.1065

Resumo

Esta pesquisa foi desenvolvida em uma turma do quarto (último) ano de um Curso de Licenciatura em Química. Utilizamos, para o desenvolvimento deste trabalho, as questões relacionadas com as definições de Ciência e Tecnologia do Cuestionario de Opiniones sobre Ciencia, Tecnología y Sociedad (COCTS) do Proyecto Iberoamericano de Evaluación de Actitudes Relacionadas con la Ciencia, la Tecnología y la Sociedad. O objetivo principal da pesquisa foi estudar as possíveis mudanças de atitudes CTS dos licenciandos após a discussão e debate das questões, tendo em vista a contribuição para a sua formação docente. A metodologia de pesquisa foi intervenção, que se deu a partir da execução de uma rotina preestabelecida no planejamento da pesquisa. Definiu-se um intervalo de tempo entre a aplicação do pré-teste (aplicação de questões do COCTS), intervenção (discussão e debate a partir da leitura das questões) e pós-teste (nova aplicação das questões do COCTS). Os resultados mostram que, em relação a algumas frases (itens avaliados pelos alunos) das questões, após a intervenção houve mudança na avaliação dos alunos, enquanto outras não. Os resultados estão dentro das expectativas. A utilização de discussão e debate de questões contribuiu para uma formação de maior abrangência.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

José Antônio Pinto, CEFET - MG

Professor de Física na Coordenação de Formação Geral - Campus de Leopoldina - CEFET/MG.

Maria Delourdes Maciel, Universidade Cruzeiro do Sul

Professora e pesquisadora no curso de Doutorado em Ensino de Ciências e Matemática

Referências

ANTONIOLI, P. M. et al. Avaliação das atitudes das duas culturas em relação à aprendizagem da ciência. In: Revista iberoamericana de educación (2012). N.º 58, pp. 151-166 (ISSN: 1022-6508). Disponível em: <http://www.rieoei.org/rie58a08.pdf> Acesso em: 01/04/2012.

FIGUEIREDO, M. E; PAIXÃO, F. Opiniões sobre a natureza da ciência e da tecnologia de estudantes portugueses do ensino superior. In: ROIG, A. B. et al. Ciencia, tecnología y sociedad en Iberoamérica: una evaluación de la comprensión de la naturaleza de ciencia y tecnologia: documentos de trabajo n.° 05, OEI, Madrid (2010). Disponível em: <http://www.oei.es/salactsi/DOCUMENTO5vf.pdf> Acesso em: 01/04/2012.

FREIRE, P. Educação como prática de liberdade. Editora Paz e Terra S/A. 27ª edição. São Paulo 2003.

FREIRE, P. Educação bancária e educação libertadora. In: PATTO, M. H. S., Introdução à psicologia escolar. 3. .ed. São Paulo (1997). Casa do Psicólogo - Livraria e Editora Ltda.

MANASSERO, M.A. et al. COCTS Cuestionario de Opiniones sobre Ciencia, Tecnología y Sociedad. In: ROIG, A. B.et al. Ciencia, tecnología y sociedad en Iberoamérica: una evaluación de la comprensión de la naturaleza de ciencia y tecnología: documentos de trabajo n.° 05, OEI, Madrid (2010). Disponível em: <http://www.oei.es/salactsi/DOCUMENTO5vf.pdf> Acesso em: 01/04/2012.

RESTREPO, M. M. C; PARADA, E. A. M; Diferencias en la comprensión de la NdCyT entre profesores en formación que inician la universidad y los que finalizan su grado (2010). In: ROIG, A. B.et al. Ciencia, tecnología y sociedad en Iberoamérica: una evaluación de la comprensión de la naturaleza de ciencia y tecnología: documentos de trabajo n.° 05, OEI, Madrid (2010). Disponível em: <http://www.oei.es/salactsi/DOCUMENTO5vf.pdf> Acesso em: 01/04/2012.

ROIG, A. B. et al. Ciencia, tecnología y sociedad en Iberoamérica: una evaluación de la comprensión de la naturaleza de ciencia y tecnología: documentos de trabajo n.° 05, OEI, Madrid (2010a). Disponível em: <http://www.oei.es/salactsi/DOCUMENTO5vf.pdf> Acesso em: 01/04/2012.

ROIG, A. B.et al. Introducción: educación científica y naturaleza de la ciencia. In: ROIG, A. B. et al. Ciencia, tecnología y sociedad en Iberoamérica: una evaluación de la comprensión de la naturaleza de ciencia y tecnología: documentos de trabajo n.° 05, OEI, Madrid (2010b). Disponível em: <http://www.oei.es/salactsi/DOCUMENTO5vf.pdf> Acesso em: 01/04/2012.

VÁZQUEZ, A; ACEVEDO, J.A; E MANASSERO, M.A. Progresos en la evaluación de actitudes relacionadas con la ciencia mediante el Cuestionario de Opiniones CTS. In: Martins I. P (Coord.). O Movimento CTS na Península Ibérica. Seminário Ibérico sobre Ciência-Tecnologia-Sociedade no ensino-aprendizagem das ciências experimentais, pp. 219-230. Aveiro: Universidade de Aveiro, 2000. Versão atualizada disponível. Disponível em <http://www.oei.es/salactsi/acevedo6.htm> Acesso em 01/04/2012.

Downloads

Publicado

2014-01-31

Como Citar

Pinto, J. A., & Maciel, M. D. (2014). DISCUSSÃO E DEBATE DE QUESTÕES CTS POR ALUNOS DO ÚLTIMO ANO DE UM CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA: DEFINIÇÕES DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA. HOLOS, 1, 247–257. https://doi.org/10.15628/holos.2014.1065

Edição

Seção

ARTIGOS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)