A IMPORTÂNCIA DO ORÇAMENTO PÚBLICO: A PARTICIPAÇÃO DA POPULAÇÃO DE APODI-RN NA ELABORAÇÃO DO PLANEJAMENTO ORÇAMENTÁRIO

Rivânia Rayane Dantas de Lima, Jássio Pereira de Medeiros

Resumo


A Gestão Pública no Brasil tende a incorporar práticas de participação da população nas decisões políticas, tornando-se mais democrática. Dentre essas, é possível citar o modelo do Orçamento Participativo na elaboração do orçamento público. Nesta conjuntura, o presente estudo busca analisar o contexto de participação da população no planejamento orçamentário da cidade de Apodi-RN, partindo do pressuposto de que, com a participação da população, o orçamento torna-se mais eficaz. Trata-se de uma pesquisa de caráter exploratório-descritivo, que utilizou o método do estudo de caso, enquanto a forma de abordar o problema pode ser classificada como quali-quantitativa. Como instrumentos de coletas de dados, foram utilizados um questionário e uma entrevista, do tipo focalizada. O universo da pesquisa foi formado pelo total de eleitores e, como amostra, um total de 380 cidadãos com idade apta para votar. O resultado da pesquisa comprovou que o planejamento orçamentário realizado no município alvo de estudo não dispõe de muitas oportunidades de participação nas decisões relativas à execução dos recursos públicos e, consequentemente, grande parcela dos cidadãos não participam da elaboração do orçamento público. Constatou-se, também, que a maioria das pessoas desconhece o tema, e, portanto, não sabem como, e se, podem contribuir no planejamento orçamentário municipal. Dessa forma, pode-se comprovar, por meio das respostas dos cidadãos, que a gestão municipal não disponibiliza maneiras específicas de participação popular no planejamento orçamentário, além disso, o incentivo à participação da população é pouco e não atende a parcela significativa dos cidadãos, carecendo de ações para agregar a sociedade nas decisões orçamentárias.

Palavras-chave


Orçamento Público, Orçamento Participativo, Democracia, Gestão Pública.

Texto completo:

PDF

Referências


CARVALHO, Deusvaldo. Orçamento e contabilidade pública. 6ª ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2014. (Provas e concursos).

CARVALHO, Maria do Carmo A. A.; FELGUEIRAS, Débora. Orçamento Participativo no ABC. Mauá, Ribeirão Pires e Santo André. São Paulo: Pólis, 2000. 80p. (Publicações Pólis, 34).

FONSECA, Jumária Fernandes Ribeiro. O Orçamento Participativo e a Gestão Democrática de Goiânia. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Planejamento Territorial). Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento e Planejamento Territorial da Universidade Católica de Goiás. Goiânia, 2009.

PALUDO, Augustinho Vicente. Orçamento público e administração financeira e orçamentária e LRF. 4ª ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2013.

SÁNCHES, Félix. Orçamento Participativo: teoria e prática. São Paulo: Cortez, 2002.




DOI: https://doi.org/10.15628/empiricabr.2018.7540



Locations of visitors to this page