ANÁLISE DA GESTÃO DE ESTOQUES EM UM ELO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS COM FOCO NAS DIRETRIZES DO LEAN OFFICE

Marcus Vinicius Dantas de Assunção, Jessica Merhy Carlos Monteiro, Camila Monteiro Guilherme, Karolayne Nayanne Martins Oliveira, Fernanda Barreto de Almeida Rocha Mariz

Resumo


O presente artigo aborda os conceitos do Lean Office aplicados a um elo da cadeia de suprimentos do ramo de venda de livros, com o foco na gestão de estoques. Dessa forma, coletou-se os principais conceitos apontados na literatura para elaborar um roteiro, o qual foi aplicado tanto no Centro de Distribuição, quanto na Livraria. Gerando como produto uma exposição de como é tratada a gestão estoques em tais organizações e se há preocupação, por parte dos colaboradores, em se adotar os conceitos Lean. Posto isso, foi traçado o panorama dos impactos que uma gestão de estoques integradas tem na geração de lucros para as empresas. Assim, como produto desse estudo, foi possível concluir que as empresas analisadas desconhecem os possíveis benefícios que a ferramenta Lean Office poderia lhes trazer.

Palavras-chave


Lean Office, Gestão de estoques, Cadeia de suprimentos.

Texto completo:

PDF

Referências


1. BALLOU, R. H. Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos/Logística Empresarial. Tradução de Raul Rubenich. 5 ed. Porto Alegre: Bookman, 2006, 191 p.

CARNEIRO, C. J. M., COSTA, R. S., JARDIM, L. S., VIANA, Á. L., SANTOS, R. Proposta de uso do lean office na redução do tempo de atendimento na análise de projetos das indústrias do polo industrial de Manaus. Revista Espacios, v. 38, n.19, p. 9, 2017.

CARVALHO, M. C. de, CAMPOS, P. H. F. L., SERRA, C. M. V. Análise do efeito chicote em um elo da cadeia de suprimentos de uma empresa produtora de óleos e gorduras vegetais. Em: ENEGEP, 2015, Fortaleza. P. 2 - 13.

COSTA, T. D., BORGES, I. R., KAERCHER, A. R., FONSECA, G. de B. Políticas para o gerenciamento de estoques: um estudo de caso em uma empresa do ramo metalmecânico de médio porte. In: ENEGEP, 2012, Bento Gonçalves. p. 2 - 10. Disponível em: . Acesso em: 27 mar. 2016.

COOPER, M. C., LAMBERT, D. M., PAGH, J. D. Supply chain management: more than a new name for logistics. The international journal of logistics management, v. 8, n. 1, p. 1-14, 1997.

FERREIRA, M. R. O., MATOS, L. S., MIRANDA, K. S. C, ASSUNÇÃO, M. V.D. Auditoria logística para gerenciamento de estoques em micro e pequenas empresas. Em: ENEGEP, 2015, Fortaleza. P. 1 - 12.

LAREAU, W. Office Kaizen: transforming office operations into a strategic competitive advantage. ASQ Quality Press, 2002.

LUMMUS, R. R., VOKURKA, Robert J. Defining supply chain management: a historical perspective and practical guidelines. Industrial Management & Data Systems, v. 99, n. 1, p. 11-17, 1999.

MCMANUS, H. Product Development Value Stream Analysis and Mapping Manual (PDVSM). Cambridge: Lean Aerospace Initiative, 2003.

MELO, M. T., NICKEL, S., SALDANHA-DA-GAMA, F. Facility location and supply chain management–A review. European journal of operational research, 196(2), 401-412, 2009.

PELLEGRINI, N. B. S. Análise das operações e relacionamentos entre as empresas com distribuição de bens de conveniência do setor alimentício. 2012. 169 f. Dissertação (Mestrado em Administração) – Universidade Metodista de Piracicaba, Piracicaba. 2012.

PIRES, S. R. I. Gestão da cadeia de suprimentos: conceitos, estratégias, práticas e casos. São Paulo: Atlas, 2004.

SLACK, N., CHAMBERS, S., JOHNSTON, R. Administração da produção. 3 ed. São Paulo: Atlas, 2009.

VIANA, João José. Administração de materiais: um enfoque prático. Atlas, 2000.

WOMACK, J. P., JONES, D. T. A mentalidade enxuta nas empresas Lean Thinking: elimine o desperdício e crie riqueza. Elsevier Editora, 2004.




DOI: https://doi.org/10.15628/empiricabr.2017.6593



Locations of visitors to this page