PROSPECÇÃO DE MICROEMPRESA NO COMÉRCIO EXTERIOR ATRAVÉS DA ADOÇÃO DAS LOGÍSTICAS DO COMÉRCIO ELETRÔNICO E EXPORTA FÁCIL

Autores

  • Sidney Saraiva Maia Junior
  • Raimundo Nonato Camelo Parente

DOI:

https://doi.org/10.15628/empiricabr.2010.501

Resumo

Este estudo tem como objetivo avaliar a viabilidade de inserção de microempresa brasileira no comércio internacional adotando um modelo que prega o e-commerce como meio de divulgação e redução de despesas administrativas, bem como o “exporta-fácil” como ferramenta logística. A análise se dá em duas etapas: primeiro considerando as vantagens competitivas constatadas na literatura para, em seguida, efetuar análise de viabilidade financeira através de comparativo loja versus loja virtual a partir dos cálculos de margem de contribuição e ponto de equilíbrio. A metodologia utilizada neste estudo se consistiu numa pesquisa exploratória descritiva feita através de livros, artigos científicos, monografias e sítios da Internet. Foram colhidos também dados quantitativos através do uso de questionário, bem como foram realizadas entrevistas com empreendedores. Constatou-se que o modelo em questão é financeiramente viável e ainda apresenta diversas vantagens, tanto ao empresário quanto ao consumidor geradas, principalmente, pelo seu baixo custo operacional. PALAVRAS-CHAVE: Microempresa; Comércio Eletrônico; Exporta-fácil; Comércio Exterior; Análise de viabilidade; Margem de Contribuição; Ponto de Equilíbrio.

Downloads

Publicado

2010-12-14

Edição

Seção

Artigos