Editorial

Gerson Gomes do Nascimento, Malco Jeiel de Oliveira Alexandre

Resumo


Nesta edição da Geoconexões, o primeiro artigo intitulado ABORDAGENS DO BIOMA CERRADO, NO LIVRO DIDÁTICO: ESTUDO DE CASO NA ESCOLA ESTADUAL MARTINS BORGES NO MUNICÍPIO DE PIRES DO RIO – GO de autoria de Paulo Jean e Odelfa Rosa tem como objetivo principal discutir como tem se construído o contexto na relação dos alunos de uma escola da rede pública com as informações sobre os grandes biomas. No caso em questão, o Bioma do Cerrado, e como ele está sendo representado nos conteúdos do livro didático adotado, entendendo, ainda, a relação que o professor promove para uma possível preservação e as ações que levam os alunos a formarem opinião em relação às formas respeitosas sobre o meio ambiente. No Segundo, intitulado CONCEITOSCHAVE, LEGISLAÇÕES E NORMAS AMBIENTAIS FUNDAMENTAIS PARA A COMPREENSÃO DAS CONSEQUÊNCIAS SOCIOECONÔMICAS E AMBIENTAIS DA INSTALAÇÃO DE PARQUES EÓLICOS dos autores Oziel de Medeiros Pontes e Pedro Vieira de Azevedo discute-se conceitos-chave, legislações e normas ambientais fundamentais visando a compreensão das consequências socioeconômicas e ambientais dos parques eólicos em comunidades locais. Por se tratar de um artigo de revisão de literatura, baseia-se no levantamento da narrativa de literatura em torno desse arcabouço conceitual, jurídico e legislativo. No terceiro, ANÁLISE DOS CONFLITOS DE USO DO SOLO NA MICROBACIA DO RIO GUAJIRU MEDIANTE TÉCNICAS DE PROCESSAMENTO DIGITAL DE IMAGENS SENTINEL-2 dos autores M. B. Rocha e J. R. Souza, apresenta-se os resultados da análise dos conflitos de uso do solo na microbacia do Rio Guajiru utilizando imagens Sentinel-2, dados de campo e o software ArcMap na versão 10.5. No último artigo, VISÃO DOS BANHISTAS E COMERCIANTES SOBRE O CENÁRIO AMBIENTAL DA PRAIA DE PONTA NEGRA, NATAL-RN dos mesmos autores do artigo 3, se apresenta a visão dos banhistas e comerciantes sobre o cenário ambiental da praia de Ponta Negra na cidade de Natal – RN na atualidade.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15628/geoconexoes.2019.9361

Apontamentos

  • Não há apontamentos.