A GEOGRAFIA CLÁSSICA NO BRASIL: breves considerações

Gerson Gomes do Nascimento

Resumo


O presente artigo foi desenvolvido a partir da análise do pensamento da geografia clássica, com a finalidade de articular suas teorias no processo de evolução do pensamento geográfico brasileiro, levando em consideração a realidade social do país. Nesse percurso, a geografia vai se fragmentar para atender os preceitos científicos da época, tornando-se, em seguida, Regional contemplando, desse modo, a relação homem-meio. Diante dessa perspectiva, a geografia brasileira surge no cenário de evolução da geografia mundial, enfrentando as dificuldades não apenas locais, mas em uma esfera internacional. No entanto, com todos os obstáculos, o Brasil consegue implantar o curso de geografia nas universidades e, assim, surgem os primeiros estudos de geografia no Brasil.


Palavras-chave


Geografia clássica; Pensamento geográfico; Brasil

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, Manoel Correia de. Geografia: ciência da sociedade. Recife: Ed. Universitária da UFPE, 2008.

MOREIRA, Ruy. O pensamento geográfico brasileiro, vol. 1: as matrizes clássicas originárias. São Paulo: Contexto, 2011.

MOREIRA, Ruy. O pensamento geográfico brasileiro, vol. 2: as matrizes da renovação. São Paulo: Contexto, 2009.




DOI: https://doi.org/10.15628/geoconexoes.2019.8747

Apontamentos

  • Não há apontamentos.