Risco Ambiental Urbano : consequência do descarte irregular de resíduos sólidos urbanos na cidade de Pires do Rio (GO)

paulo jean pereira alves

Resumo


Este artigo tem como temática os Resíduos Sólidos Urbanos (RSUs) e considerações a respeito de determinados riscos ambientais perceptíveis que os resíduos sólidos potencializam em fragmentos do ambiente urbano. A criação das cidades e a crescente ampliação das áreas urbanas têm contribuído para o aumento de RSUs e como consequência os riscos ambientais urbanos, objetivando diagnosticar áreas de riscos ambientais oriunda do descarte irregular de RSUs em bairros da cidade de Pires do Rio(GO).


Referências


ABRAMOVAY, A.; SPERANZA, J.S.; PETITGAND, C. RSUs zero: gestão de RSUs para uma

sociedade mais próspera. São Paulo: Planeta sustentável: Instituto Ethos, 2013. 77P.

ANDREOLI, C.V.; ANDREOLI, F.N.; TRINDADE, T.V.; HOPPEN, C. RSUs sólidos: Origem,

classificação e soluções para destinação final adequada. Coleção Agrinho, n.532, 2014. 22p.

BENJAMIN, A.H. O meio ambiente na constituição federal de 1988. Informativo Jurídico da

Biblioteca Ministro Oscar Saraiva, v.19, n.1, 2008.

BRAGA, M.C.B.; DIAS, N.C. Gestão de RSUs sólidos urbanos. Curitiba, v.1, 2008.40p.

Brasil. Programa de Modernização do Setor Saneamento (PMSS). Instrumentos das políticas

e da gestão dos serviços públicos de saneamento básico. Brasília : Ministério das Cidades e

Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental, v.1, (Lei Nacional de Saneamento Básico:

perspectivas para as políticas e gestão dos serviços públicos), 2009. 239p.

BRASIL. Lei nº 12.305, de 2 de Agosto de 2010. Institui a Política Nacional de RSUs Sólidos;

altera a Lei 9605, de 12 de fevereiro de 1998; e dá outras providências.




DOI: https://doi.org/10.15628/geoconexoes.2018.6956

Apontamentos

  • Não há apontamentos.