A EDUCAÇÃO PROFISSIONAL EM SAÚDE NO CENTRO DE FORMAÇÃO DE PESSOAL PARA OS SERVIÇOS DE SAÚDE DR. MANOEL DA COSTA SOUZA, DE 1997 A 2015

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15628/rbept.2018.7334

Palavras-chave:

Educação Profissional em Saúde Pública. Sistema Único de Saúde. Educação Permanente em Saúde.

Resumo

Este artigo tem o objetivo de apresentar os cursos desenvolvidos pelo Centro de Formação de Pessoal para os Serviços de Saúde Dr. Manoel da Costa Souza (CEFOPE/RN), espaço responsável pela formação dos trabalhadores de nível médio e elementar que atuam no Sistema Único de Saúde, entre 1997 e 2015. A pesquisa teve como fonte de dados as atas escolares disponibilizadas pela Secretaria Escolar do CEFOPE/RN, analisadas in loco entre abril e junho de 2017. A análise realizada mostra que a trajetória do CEFOPE/RN se constituiu dentro de um espaço de fortalecimento para os trabalhadores atuantes na área da saúde, e os cursos ofertados demonstram a preocupação com a melhoria da qualidade dos serviços de saúde pública do país, uma vez que grande parte dos cursos ofertados está coerente com programas nacionais vinculados ao Ministério da Saúde. Assim, esta pesquisa sugere novos mapeamentos na referida instituição, no intuito de continuar contribuindo com sua trajetória e com a compreensão acerca da formação destinada aos trabalhadores de nível médio em saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

BARRÊTTO, M. D. A. Uma trajetória de sucesso na educação profissional em saúde. In: AQUINO, S. N. F. de; MEDEIROS, V. M. R. de (Orgs). A história das instituições de formação e desenvolvimento de servidores públicos do Estado do Rio Grande do Norte. Natal: Escola de Governo, 2010, p. 35-46.

BRASIL. Ministério da Saúde. Pacto pela redução da mortalidade infantil no Nordeste e Amazônia Legal: 2009–2010. Brasília: Ministério da Saúde, 2010.

BRASIL. Ministério da Saúde. Relatório final. Anais... Conferência Nacional de Saúde, Brasília, DF, 2001.

BRASIL. Portaria nº 2.970, de 25 de novembro de 2009. Institui a Rede de Escolas Técnicas do SUS (RETSUS) e dispõe sobre as diretrizes para a sua organização. Brasília, 2009.

BRASIL. Portaria nº 3.189, de 18 de dezembro de 2009. Dispõe sobre as diretrizes para a implementação do Programa de Formação de Profissionais de Nível Médio para a Saúde (PROFAPS). Brasília, 2009.

FRIGOTTO, G. O enfoque da dialética materialista histórica na pesquisa educacional. In: Metodologia da pesquisa educacional. 3 ed. São Paulo (SP): Cortez Editora; 1994. p. 69-90.

FRIGOTTO, G.; CIAVATTA, M. Educação básica no Brasil na década de 1990: subordinação ativa e consentida à lógica do mercado. Educ. Soc., Campinas, v. 24, nº 82, p. 93-130, abr. 2003.

GERMANO, R. M. CEFOPE/RN/RN: Uma experiência de formação de recursos humanos em saúde. 1984-1996. Natal: SESAP/RN, 1996.

GHEDIN, E; FRANCO, M. A. S. Questões de método na construção da pesquisa em educação. São Paulo, Cortez, 2011.

GROISMAN D. Formação de Cuidadores de Idosos: avanços e retrocessos na política pública de cuidados no Brasil. In: MOROSINI, M. V.G. C. et al (Orgs). Trabalhadores técnicos em saúde: aspectos da qualificação profissional no SUS. Rio de Janeiro: EPSJV; 2013.

ALMEIDA DE MELO, Laércio et al. Fatores socioeconômicos, demográficos e regionais associados ao envelhecimento populacional. Revista Brasileira de Geriatria e Gerontologia, v. 20, n. 4, 2017.

MINAYO, M. C. S. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 8. ed. São Paulo: Hucitec, 2013.

MOURA, Dante Henrique. Educação básica e educação profissional e tecnológica: dualidade histórica e perspectivas de integração. Holos, v. 2, p. 4-30, 2007.

PEREIRA, I. B.; RAMOS, M. N. Educação Profissional em saúde. Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2006.

SILVA, V. O.; SANTANA, P. M. M. A. Curriculum content and Brazilian Health System (SUS): analytical categories, gaps and challenges. Interface (Botucatu). 2015. Disponível em: http://www.scielosp.org/pdf/icse/v19n52/1807-5762-icse-1807-576220140017.pdf. Acesso em: out. 2017.

SIMÕES, C. A. Educação Técnica e escolarização de jovens trabalhadores. In: MOLL, J; FISHER, N. B.; KUENZER, A. (Orgs.). Educação profissional e Tecnológica no Brasil Contemporâneo: Desafios, tensões e possibilidades. CDUed.Porto Alegre: Editora Artmed, 2009, v. , p. 96-120.

TREIN, E.; CIAVATTA, M. A produção capitalista, trabalho e educação: um balanço da discussão nos anos 1980 e 1990. In: FRIGOTTO, G.; CIAVATTA, M. (Orgs.). A formação do cidadão produtivo: a cultura de mercado no ensino médio técnico. Brasília: Ministério da Educação, 2006.

Downloads

Publicado

2018-12-28

Como Citar

COSTA, T. P. T.; CASTRO, J. L. de. A EDUCAÇÃO PROFISSIONAL EM SAÚDE NO CENTRO DE FORMAÇÃO DE PESSOAL PARA OS SERVIÇOS DE SAÚDE DR. MANOEL DA COSTA SOUZA, DE 1997 A 2015. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, [S. l.], v. 2, n. 15, p. e7334, 2018. DOI: 10.15628/rbept.2018.7334. Disponível em: https://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/7334. Acesso em: 21 maio. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS