JOÃO ALFREDO CORRÊA DE OLIVEIRA: ENSINO TÉCNICO PROFISSIONAL E MODERNIZAÇÃO DA SOCIEDADE BRASILEIRA NO SEGUNDO REINADO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.15628/rbept.2020.10057

Palavras-chave:

Educação Profissional, Modernização, História, João Alfredo.

Resumo

Considerando-se o contexto brasileiro do fim do século XIX, destaca-se a preocupação de intelectuais e políticos em formar uma nova mão de obra livre, reflexo do processo gradual de abolição da escravatura. Em meio a esses intelectuais, destaca-se a figura de João Alfredo Corrêa de Oliveira e suas iniciativas direcionadas à educação profissional como importante fator de transformação da sociedade brasileira. Através de discursos escritos em relatórios políticos e de seu projeto de reforma da instrução primária e secundária em 1874, busca-se identificar suas várias significações relacionadas à educação profissional, além de estabelecer uma relação entre as escolas de ensino técnico profissional e a modernização do Império brasileiro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Ícaro Capanema de Faria

Possui licenciatura em História pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (2016) - Belo Horizonte. Bolsista (CAPES) de Mestrado em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação (CAPES 4) da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (2019) - Belo Horizonte. Foi bolsista pelo Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) em (2014 - 2015). Foi bolsista de iniciação científica no Projetos de Educação, Projetos de Modernização: O ensino técnico no Brasil oitocentista em ( 2015-2016). Foi bolsista no projeto de iniciação científica no Novo Projeto para as Licenciaturas do ICH: Solução para a Carência de Candidatos ao Magistério? em ( 2015-2016). Foi membro do grupo de pesquisa no projeto Políticas Públicas, Formação de Professores, Educação Profissional e Trabalho Docente em (2015-2019).

Referências

ALONSO, Angela. Ideias em movimento: a geração de 1870 na crise do Brasil Império. São Paulo: Paz e Terra, 2002.

ANDRADE, Manuel Correia de. João Alfredo o estadista da abolição. Recife: FUNDAJ, Editora Massangana, 1988.

BARBOSA, Rui. Reforma do ensino secundário e superior. Obras completas. Vol. IX, tomo I. Rio de Janeiro: Ministério da Educação e Saúde, 1942.

BASTOS, Maria Helena Câmara. A Instrução Pública (1872-1875/1887-1888): Permuta de luzes e ideias. Os editoriais de Alambary Luz. Fortaleza: ANPUH – XXV SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, 2009. Disponível em: <http://anais.anpuh.org/wp-content/uploads/mp/pdf/ANPUH.S25.0250.pdf> acessado em 28 de Junho 2016.

BLAKE, Sacramento. Verbete João Alfredo Corrêa de Oliveira. In: Diccionario bibliográphico brazileiro. Vol. 3. Rio de Janeiro: Typographia Nacional, 1883-1902, p. 315-316.

CARVALHO, José Murilo de. A construção da ordem: a elite política imperial; Teatro de sombras : a política imperial. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1999.

CARVALHO, José Murilo de. História intelectual no Brasil: a retórica como chave de leitura. Topoi (Rio J.), Rio de Janeiro, v. 1, n. 1, p. 123-152, Dec. 2000 . Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2237-101X2000000100123&lng=en&nrm=iso>. acessado em 28 de Junho 2016.

CHAMON, Carla S. Escolas de Artes e Ofícios Mecânicos em Minas Gerais. Cadernos de História da Educação, v. 13, p. 569-591, 2014.

COSTA, Emília Viotti da. Da Monarquia à República: momentos decisivos. 7. ed. São Paulo: Fundação Editora da UNESP, 1999.

CUNHA, Luiz Antonio. O ensino de ofícios artesanais e manufatureiros no Brasil escravocrata. 2. ed. São Paulo: UNESP, Brasília: FLACSO Brasil, 2005.

FONSECA, Celso Suckow da. História do ensino industrial no Brasil. Rio de Janeiro, 1961.

GALVÃO, Ana Maria de Oliveira; Lopes, Eliane Marta Teixeira. Território Plural: a pesquisa em história da educação. São Paulo: Ática, 2010.

LYNCH, Christian. Da Monarquia à Oligarquia: História Institucional e pensamento político brasileiro (1822 - 1930). São Paulo: Alameda, 2014

LYNCH, Christian. O Império é que era a República: a monarquia republicana de Joaquim Nabuco. São Paulo: Lua Nova, 2012.

MACHADO, Maria Cristina Gomes; SILVA, Josie Agatha Parrilha. Os projetos de reforma da escola pública propostos no Brasil entre 1870 e 1880. Revista HISTEDBR, 2007. Disponível em: <http://www.histedbr.fe.unicamp.br/revista/edicoes/25/doc01_25.pdf> acessado em 28 de Junho 2016.

MALHEIRO, Ângela. O Poder, a palavra e a ação: os discursos políticos como fonte histórica. Lisboa: Universidade Nova de Lisboa, 2015. Disponível em: https://ww.academia.edu/11856646/O_PODER_A_PALAVRA_E_A_A%C3%87%C3%83O_os_discursos_pol%C3%ADticos_como_fonte_hist%C3%B3rica acessado em 28 de Junho de 2016

MOACYR, Primitivo. A instrução e as provincias: subsídios para a história da educação no Brasil 1834-1889: volume 1: Das Amazonas às Alagoas. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 1939.

OLIVEIRA, João Alfredo Corrêa de. Minha Meninice. Revista do Instituto Arqueológico, Histórico e Geográfico Pernambucano, vol. XLII, Recife, 1953, e Suplemento da Tribuna de Petrópolis, no 3 - Petrópolis, Julho de 1949.

PATTO, Maria Helena Souza. "Escolas cheias, cadeias vazias: nota sobre as raízes ideológicas do pensamento educacional brasileiro". Estud. av., São Paulo, v. 21, n. 61, p. 243-266, Dec. 2007. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142007000300016&lng=en&nrm=iso>. Acessado em 28 de junho de 2016

SANTOS, Jaime. A trajetória da educação profissional. In: LOPES, E. M. T.; FARIA FILHO, L. M.; VEIGA, C. G. (Orgs.) 500 anos de educação no Brasil. Belo Horizonte: Autêntica, 2000, p. 205-224.

SOUZA FILHO, Tarquínio de. O Ensino Technico no Brasil. Rio de Janeiro: Imprensa Nacional, 1887.

TORRES, João Camillo de Oliveira. Os construtores do Império. São Paulo: Nacional, 1968.

VEIGA, Cynthia Greive. História da Educação. São Paulo: Ática, 2007.

Downloads

Publicado

04/09/2020

Como Citar

FARIA, Ícaro C. de. JOÃO ALFREDO CORRÊA DE OLIVEIRA: ENSINO TÉCNICO PROFISSIONAL E MODERNIZAÇÃO DA SOCIEDADE BRASILEIRA NO SEGUNDO REINADO. Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica, [S. l.], v. 2, n. 19, p. e10057, 2020. DOI: 10.15628/rbept.2020.10057. Disponível em: https://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/RBEPT/article/view/10057. Acesso em: 7 ago. 2022.

Edição

Seção

ARTIGOS