O ENSINO DE EMPREENDEDORISMO SOB DIFERENTES ABORDAGENS

João Massuda Junior, Marilyn Aparecida Errobidarte de Matos

Resumo


O objetivo deste artigo é verificar diferenças no potencial empreendedor de estudantes que tenham passado por uma abordagem tradicional de ensino sobre empreendedorismo em relação aos estudantes que foram submetidos a um programa de ensino para empreendedorismo ministrado de forma complementar e simultânea. Para a coleta de dados foram aplicados instrumentos de avaliação do potencial empreendedor (PPE) a 23 estudantes e posteriormente analisados no programa de análise estatística SPSS 20. Dentre outras informações, o estudo realizado revelou que estatisticamente não houve diferença significativa entre o potencial empreendedor dos estudantes que cursaram apenas a disciplina de empreendedorismo, no formato tradicional, e dos estudantes que participaram, de forma adicional e concomitante, do projeto Mini Empresa ofertado pela ONG Junior Achievement.  


Palavras-chave


Potencial empreendedor, práticas de ensino e aprendizagem, ensino médio.

Texto completo:

PDF

Referências


DA SILVA, Júlio Fernando; PENA, Roberto Patrus M. O “Bê-Á-Bá” do Ensino em Empreendedorismo: Uma Revisão da Literatura Sobre os Métodos e Práticas da Educação Empreendedora. Revista ReGePe, v. 6, n. 2, p. 372-401, 2017.

DE SOUZA, E. C. L.; FRACASSO. E. M.; LOPEZ JÚNIOR, G. S. Empreendedorismo e atitude empreendedora: conceitos e construção de escalas. V EGEPE - Encontro de Estudos sobre Empreendedorismo e Gestão de Pequenas Empresas, São Paulo, 2008.

DOLABELA, F. Oficina do empreendedor. Rio de Janeiro: Sextante, 2008.

DORNELAS, J. C. A. Empreendedorismo: transformando idéias em negócios. 3 ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2008.

FAYOLLE, A. Teaching of Entrepreneurship: Outcomes from an innovative experience. International Entrepreneurship Education and Training - 8ª annual conference. Oestrich-Winkel, 1998.

FILION, L. J. Empreendedorismo: empreendedores e proprietários-gerentes de pequenos negócios. Revista de Administração. São Paulo, v. 34, n. 2, abr./jun. 1999, p. 05-28.

GONÇALVES FILHO, C.; VEIT, M. R.; GONÇALVES, C. A. Mensuração do perfil do potencial empreendedor e seu impacto no desempenho das pequenas empresas. Revista de Negócios. Blumenau, v. 12, n. 3, jul./set. 2007, p. 29-44.

GUIMARÃES, L. A. M.; MARTINS, D. de A.; GUIMARÃES, P. M. Os métodos qualitativo e quantitativo: similaridades e complementaridade. In: GRUBITS, S.; NORIEGA, J. A. V. (Orgs.). Método qualitativo: epistemologia, complementaridades e campos de aplicação. São Paulo: Vetor, 2004.

HAMBURG, I. Learning approaches for Entrepreneurship education. Advances in Social Sciences Research Journal. Greater Manchester, v. 3, n. 1, 2015, p. 228-237.

HENRIQUE, D. C.; DA CUNHA, S. K. Práticas didático-pedagógicas no ensino de empreendedorismo em cursos de graduação e pós-graduação nacionais e internacionais. RAM - Revista de Administração Mackenzie. São Paulo, v. 9, n. 5, 2008, p. 112-136.

JULIEN, P. A. Empreendedorismo regional e a economia do conhecimento. São Paulo: Saraiva, 2010.

LEVIN, H. M. Why is educational entrepreneurship so difficult? In. HESS, F. Educational Entrepreneurship. Cambridge: Harvard Education Press, 2006.

LUSSIER, R. N.; CORMAN, J.; KIMBALL, D. C. Entrepreneurial new venture skills. 3 ed. New York: Routledge, 2015.

OLOMI, D. R.; SABOKWIGINA, D. Entrepreneurship Education in Tanzanian business Schools: a nationwide survey. 12° International Conference of African Entrepreneurship and Small Business Development (ICAESB). Zanzibar, 2010.

OOSTERBEEK, H.; PRAAG, M. V.; JSSELSTEIN, A. I. The impact of entrepreneurship education on entrepreneurship competencies and intentions: an evaluation of the Junior Achievement Student Mini Company Program. IZA Discussion Paper. Bonn, n. 3641, 2008.

VEIT, M. R. et al. Mensuração do perfil do potencial empreendedor: desenvolvimento de uma escala no cenário brasileiro. IV Encontro de Estudos em Estratégia. Recife, 2009

WILSON, K. Entrepreneurship education in Europe. In. POTTER, J. Entrepreneurship and Higher Education. Trento: OECD, 2008.




DOI: https://doi.org/10.15628/rbept.2020.6740

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2020 Revista Brasileira da Educação Profissional e Tecnológica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

RBEPTISSN 2447-1801 (Eletrônico)

Indexadores: Latindex - DOAJIresie - Indice de Revistas de Educación Superior e Investigación Educativa - BBE – Bibliografia Brasileira de Educação – (Brasil-Cibec/Inep/MEC)  - ERIH PLUS – European Reference Index for the Humanities and the Social Sciences - Sistema eletrônico de editoração de revistas do IBICT - OasisBr - Portal de Periódicos CAPES/MEC - Diadorim - Sumários.org - LivRe - Catálogo de Periódicos de Livre Acesso - CrossRef -  Google Scholar - WorldCat - Airiti Library - MIAR - Information Matrix for the Analysis of Journals - International Institute of Organized Research (I2OR) - LatinREV - Red Latinoamericana de Revistas Académicas en Ciencias Sociales y Humanidades - Publons - Citefactor