A POPULARIZAÇÃO NA CIÊNCIA: A ÓPTICA DE NEWTON NO SÉCULO XVIII

Boniek Silva Venceslau

Resumo


RESUMO
As atuais aulas de ciências, geralmente, não apresentam discussões referentes à aspectos da natureza da ciência, por exemplo, como uma teoria se desenvolve com o tempo e a influência de fatores não-racionais na sua construção. Tais aspectos são relevantes na hora do aluno desenvolver uma visão mais adequada na sua compreensão de como uma teoria ou modelo é construído. Além disso, as abordagens mais tradicionais, também, já não garantem a aprendizagem de teorias físicas. Com a inserção de discussões, que envolvam a História e a Filosofia da Ciência (HFC), os alunos poderão vivenciar o desenvolvimentos de teorias físicas e, também, realizar estudos sobre a natureza da ciência, colocando em evidência aspectos não abordados nas práticas mais tradiconais. Este estudo é baseado em uma pesquisa bibliográfica, que contempla a história da óptica, e, em especial, a controvérsia existente em relação a natureza da luz com destaque a influência newtoniana para a aceitação da teoria corpuscular no século XVIII. Neste trabalho problematizaremos uma visão ingênua do desenvolvimento histórico da ciência, onde, geralmente, ela é vista de forma contínua e fatores não-racionais são excluídos da construção de teorias físicas.

PALAVRAS-CHAVE: história e filosofia da ciência, popularização na ciência, Isaac Newton.

THE POPULARIZATION IN SCIENCE: THE NEWTON APPROACH IN THE EIGHTEENTH CENTURY

ABSTRACT
The current science classes generally do not have discussions concerning aspects of the nature of science, for example, as a theory developed over time, the influence of non-rational factors in its construction. These aspects are relevant at the time of the student developing a more appropriate method in their understanding of how a theory or model is built. In addition to more traditional approaches, too, no longer guaranteeing the physical theories of learning. With the insertion of discussions, involving the History and Philosophy of Science, students can experience the development of physical theories, and also carry out research into the nature of science, bringing to light issues not addressed in more traditional practices. This study is based on a literature search, which covers the history of optics, and in particular the existing controversy regarding the nature of light to highlight the Newtonian influence for the acceptance of the corpuscular theory in the eighteenth century. In this work problems were a naive view of the historical development of science, where, usually, it is seen as continuous and non-rational factors are excluded from the construction of physical theories.

KEYWORDS: history and philosophy of science, science popularization, Isaac Newton.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.15628/holos.2008.192



 

HOLOS IN THE WORLD